Queda da Farfetch não compromete construção da “Nova Califórnia” em Matosinhos

Queda da Farfetch não compromete construção da “Nova Califórnia” em Matosinhos
| Norte
Fábio Lopes

A Castro Group, empresa responsável pela criação do Fuse Valley, em Matosinhos, num investimento conjunto de 200 milhões de euros com a Farfetch, avança que o projeto está em fase final do processo de licenciamento do loteamento, aguardando aprovação “a qualquer momento”.

Ao Porto Canal, o grupo imobiliário garante que “continua a trabalhar ativamente no projeto” e que, apesar dos “desafios” enfrentados, “permanece firme e comprometido com os seus princípios fundamentais”, no que concerne ao centro de inovação tecnológica, cuja ambição é a de fazer de Matosinhos a “nova Califórnia” portuguesa, afastando os pontos de interrogação em torno do megaempreendimento.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Porto Canal (@porto.canal)

Assim, nem as profundas dificuldades em que está mergulhada a Farfetch fazem cair o megalómano investimento, no qual o primeiro unicórnio com ADN português, teria papel decisivo.

A empresa fundada por José Neves iria ocupar sete dos 24 edifícios do Fuse Valley, contudo a crise que se abateu sobre a retalhista de e-commerce de artigos de luxo fizeram uma nuvem de incerteza pairar sobre o empreendimento tecnológico.

Questionada sobre a presença da Farfetch no centro de inovação, que irá nascer em Leça do Balio, o Castro Group não dá pormenores, mas reitera o seu compromisso com o desenvolvimento deste projeto, que considera “de grande atratividade para Matosinhos, Grande Porto e toda a região norte do país”.

“Assim que obtivermos a aprovação do loteamento, continuaremos a avançar com a mesma dedicação e empenho, seja no modelo de negócio atual ou em outro que melhor responda aos desafios presentes”, sublinha o grupo imobiliário, que frisa a importância estratégica do projeto.

Matosinhos, a nova Califórnia?

“Idealizado há cinco anos, o FUSE VALLEY continua relevante e alinhado com as necessidades atuais do mercado. Num contexto onde a inovação, sustentabilidade e flexibilidade são essenciais, o projeto destaca-se como uma proposta contemporânea e necessária”, remata o Castro Group.

O empreendimento pretende criar 12 mil postos de trabalho qualificado no setor terciário e das tecnologias de informação, reforçando as perspetivas de desenvolvimento económico do concelho, reunindo um espaço de escritórios revolucionário.

O projeto inclui ainda escritórios para outras empresas, uma unidade hoteleira com 75 quartos e 42 apartamentos, ocupando uma área de 12 mil metros quadrados junto à EN14 (Via Norte); 5 mil metros quadrados de espaços para comércio e serviços como restaurantes, um ginásio e um spa, e, ainda um anfiteatro ao ar livre disponível para receber mostras de arte, palestras e workshops.

Recorde-se que em março, à margem do evento imobiliário internacional MIPIM, Paulo Castro, diretor executivo da construtora, indicou 2027 como a data prevista para a conclusão da primeira fase, caso a obra tivesse início este ano. Contudo, o projeto ainda não saiu do papel.

A derrocada da Farfetch

2023 foi sinónimo de turbulência financeira para a Farfetch. A gigante tecnológica acumulou três trimestres de prejuízos consecutivos e entre abril e junho do ano transato registou perdas de 258 milhões de euros.

Em novembro, depois de adiar a apresentação de contas, a empresa perdeu, em menos de duas horas, 382 milhões em capitalização bolsista, ou seja, metade do valor em bolsa.
A espiral negativa foi consumada com o acordo firmado com os sul-coreanos da Coupang, que retirou a empresa de Wall Street e com a demissão de todos os membros da administração, em dezembro de 2023. A empresa vai despedir até 30% da sua força de trabalho, levando à saída de até 2.000 pessoas.

+ notícias: Norte

Tempo vai mudar. Descida de temperatura e chuva de regresso

“Instabilidade meteorológica”. É assim que o Meteored, uma das maiores plataformas de informação meteorológica a nível mundial, define os próximos dias na região Norte, com episódios de chuva e variações de temperatura que vão marcar o arranque da época balnear.

Duas irmãs detidas por suspeitas de introduzirem droga na cadeia de Braga

A Polícia Judiciária (PJ) deteve duas irmãs suspeitas de introduzirem droga no Estabelecimento Prisional de Braga (EPB), durante as visitas aos seus companheiros, anunciou hoje aquela força.

Urgência de pediatria do hospital de Chaves fechada este fim-de-semana

O Ministério da Saúde publicou esta sexta-feira no portal do Serviço Nacional de Saúde o mapa das escalas de urgências até à próxima quinta-feira, que prevê o fecho de vários serviços em Lisboa e Vale do Tejo, Centro e Norte.