Detido em Ovar com receitas falsas de medicamento usado para produzir droga

Detido em Ovar com receitas falsas de medicamento usado para produzir droga
| Norte
Porto Canal / Agências

A GNR deteve em Ovar, no distrito de Aveiro, um homem suspeito de falsificar receitas médicas para adquirir o medicamento Toseína, um analgésico usado para fabricar uma droga conhecida como 'Purple Drank', informou esta terça-feira aquela força de segurança.

Em comunicado, a GNR eslcareceu que o suspeito foi detido no sábado, na sequência de uma denúncia sobre possível circulação de receitas falsas do medicamento Toseína.

"Na sequência da denúncia, os militares da Guarda desenvolveram diversas diligências policiais que permitiram localizar, identificar e deter o suspeito em flagrante delito, quando tentava adquirir o referido medicamento na farmácia", refere a mesma nota.

No decorrer da ação, os militares apreenderam 28 receitas médicas com a prescrição de várias substâncias medicamentosas, quatro embalagens do medicamento Toseína, 13 doses de haxixe e uma garrafa plástica contendo líquido presumivelmente feito com composto de codeína, além de 663,40 euros em dinheiro.

As autoridades suspeitam que os medicamentos em causa sejam utilizados para fabricar e distribuir substâncias estupefacientes, mais concretamente 'Purple Drank'.

Segundo a GNR, a Toseína é um analgésico derivado de morfina, que causa dependência quando misturado com outras substâncias, assumindo o nome de 'Purple Drank'.

+ notícias: Norte

Incêndios. Autarca de Terras de Bouro pede regresso de helicóptero a Braga

O presidente da Câmara de Terras de Bouro, Manuel Tibo, pediu este sábado o regresso de um helicóptero ligeiro de combate a incêndios a Braga, retirado há um ano, lembrando a "perigosidade máxima" do Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG).

Homem de cerca de 50 anos morre atropelado em Melgaço

Um homem morreu no sábado atropelado na Estrada Nacional 202, em Alvaredo, Melgaço, disse à agência Lusa fonte do Comando Sub-Regional de Emergência e Proteção Civil do Alto Minho.

Há 400 presépios para ver em Barcelos

Em Barcelos desde o início deste mês que estão em exposição em vários espaços mais de 400 presépios de artesãos do concelho. Uma óptima oportunidade para conhecer mais e melhor do artesanato barcelense.