Nona chicotada psicológica na I Liga já é oficial

Nona chicotada psicológica na I Liga já é oficial
| Desporto
Porto Canal / Agências

O Casa Pia oficializou esta quinta-feira a saída do treinador Pedro Moreira do cargo técnico do clube da I Liga portuguesa de futebol, por mútuo acordo, tal como os treinadores adjuntos José Borges e Ricardo Vasconcelos.

“O Casa Pia AC anuncia a saída do treinador principal, Pedro Moreira, após ter chegado a mútuo acordo para cessação de contrato. Juntamente com ele, cessam também funções os treinadores adjuntos José Borges e Ricardo Vasconcelos”, escreveram os ‘gansos’, num comunicado oficial publicado no sítio oficial dos lisboetas na internet.

A turma primodivisionária expressou ainda os seus “sinceros agradecimentos a Pedro Moreira, José Borges e Ricardo Vasconcelos pelo esforço e dedicação demonstrados durante o período em que estiveram ligados ao clube”, desejando felicidades futuras.

Pedro Moreira, de 48 anos, ingressou nos ‘gansos’ em 21 de novembro, sucedendo no cargo técnico a Filipe Martins, tendo comandado o Casa Pia num total de 11 partidas, nos quais registou somente três triunfos, contra duas igualdades e seis derrotas.

O desaire nos instantes finais da visita de domingo ao reduto do Rio Ave, por 1-0, ditou a descida da turma lisboeta para o 16.º e antepenúltimo posto da tabela classificativa, de acesso ao play-off de manutenção frente ao terceiro colocado da II Liga de futebol.

Ex-técnico adjunto de Paulo Fonseca no Paços de Ferreira, FC Porto, Sporting de Braga, nos ucranianos do Shakhtar Donetsk e nos italianos da Roma, Pedro Moreira tornou-se pela primeira vez treinador principal na última temporada, pelo Torreense, na II Liga.

Pela formação de Torres Vedras, Pedro Moreira contabilizou 13 vitórias em 32 duelos, pegando na equipa após a sétima ronda, quando estava na 18.ª e última posição, com somente quatro pontos, para concluir esse campeonato num confortável nono lugar.

O Casa Pia, 16.º colocado, com 20 pontos, recebe no domingo o Arouca, oitavo, com 25, no Estádio Municipal de Rio Maior, a partir das 15:30, em partida da 22.ª jornada da I Liga, com arbitragem por parte de José Bessa, da Associação de Futebol do Porto.

+ notícias: Desporto

Sérgio Conceição: “Temos que beber da motivação dos adeptos”

Sérgio Conceição projeta a final da Taça de Portugal (domingo, 17h15).

FC Porto: Nação azul e branca está de volta para pintar o Jamor

Fanzone no Estádio Nacional arranca pelas 10h30.

Wendell: “É o jogo mais importante do ano”

Wendell e Evanilson apontaram à conquista da Taça de Portugal na antevisão à final (domingo, 17h15).