FC Porto (Andebol): “Devemos entrar sérios até ao fim”

FC Porto (Andebol): “Devemos entrar sérios até ao fim”
| Desporto
Porto Canal

Da Dinamarca para o Dragão. O apertado ciclo competitivo da equipa de andebol não dá tréguas e os comandados de Carlos Resende voltam a entrar em ação já este sábado (21h00, Porto Canal/FC Porto TV) frente ao Gaia. Na antecâmara do encontro, Diogo Oliveira – para quem “tem sido muito bom ajudar a equipa e jogar” depois de uma lesão de longa duração – frisou que os azuis e brancos têm de “entrar sérios do início ao fim” e demonstrar o favoritismo “dentro de campo” contar um adversário “que tem bons jogadores” e “que precisa de pontos por estar numa zona delicada da tabela”. O central deixou ainda o convite a todos os adeptos, que “são muito importantes”, para comparecerem no Dragão Arena.

O regresso após lesão
“Tem sido muito bom. Não sabia como iria ser o regresso, mas tem tudo corrido muito bem e sinto-me muito feliz por estar a conseguir ajudar a equipa e a jogar, que é o que mais gosto de fazer.”

A seriedade necessária para vencer
“Todas as equipas podem aproveitar se nos desleixarmos, pelo que devemos entrar sérios do início ao fim e mostrar que somos favoritos dentro de campo.”

O adversário necessitado e motivado
“É um adversário que tem bons jogadores, que precisa de pontos por estar numa zona delicada da tabela e vão dar tudo para pontuar, ainda por cima aqui no Dragão Arena, que lhes traz uma motivação extra.”

As falhas na finalização
“É algo que temos treinado, mas também algo que temos de trabalhar com mais afinco porque nestes últimos jogos aconteceu mais regularmente. Temos de ser sérios a treinar o capítulo da finalização para transportarmos isso para o jogo.”

A qualidade coletiva para superar o cansaço das viagens
“Foi uma semana dura, são sempre três dias fora, mas temos bastantes jogadores e isso é importante para fazermos um bom treino e amanhã um bom jogo.”

A importância do apoio do público
“Eles são muito importantes e sabemos que com os nossos adeptos cá é muito mais interessante e confortável jogar. Os adversários sentem muito mais dificuldades e esperamos que compareçam amanhã.”

+ notícias: Desporto

"A chama de Viena estará para sempre acesa". Artur Jorge homenageado no Gil Vicente - FC Porto

Artur Jorge, antigo selecionador português e treinador campeão europeu pelo FC Porto partiu esta quinta-feira, aos 78 anos, deixando o universo ‘azul e branco’ órfão de uma lenda. A notícia do adeus do ícone dos 'Dragões' abalou o universo futebolístico, originando várias homenagens pela Europa do futebol.

"Nunca te esqueceremos". Artur Jorge relembrado no PSG - Rennes 

O Paris Saint-Germain empatou  a uma bola, este domingo, no Parque dos Príncipes, diante do Rennes. O encontro ficou marcado pela homenagem a Artur Jorge, antigo selecionador português e treinador campeão europeu pelo FC Porto que partiu esta quinta-feira, aos 78 anos, deixando o universo ‘azul e branco’ órfão de uma lenda.

FC Porto: Desperdício e descompensação. Crónica de jogo

FC Porto podia ter saído de Barcelos com uma goleada e sofreu o empate nos descontos (1-1).