Cerveira investe 5,5 milhões para reabilitar bairro social devoluto

Cerveira investe 5,5 milhões para reabilitar bairro social devoluto
Foto: CM Vila Nova de Cerveira
| Norte
Porto Canal / Agências

A Câmara de Vila Nova de Cerveira vai investir 5,5 milhões de euros para reabilitar 53 casas no bairro Social da Mata Velha e pretende reconverter edificado público devoluto em habitação para jovens.

Em comunicado enviado às redações, a autarquia do distrito de Viana do Castelo adiantou que a candidatura para a reabilitação do bairro social da Mata Velha, propriedade municipal, “é uma das soluções consideradas prioritárias" no aditamento ao acordo de colaboração para a Estratégia Local de Habitação (ELH) de Vila Nova de Cerveira, no âmbito do programa 1.º Direito.

Além daquele programa, a autarquia vai ainda “potenciar o arrendamento acessível para jovens” através da reconversão do edifício da antiga Pousada da Juventude, que inicialmente iria ser transformado em hotel mas o projeto acabou por não se concretizar.

A antiga Pousada da Juventude, desativada desde 2008, está localizada em pleno centro histórico.

“Procurando uma parceria estratégica com o IHRU, o objetivo da Câmara Municipal passa pela reconversão para arrendamento acessível jovem, criando mais uma resposta habitacional para colmatar a grande procura por parte de trabalhadores da zona industrial de Vila Nova de Cerveira”, explica o município.

A autarquia também identificou outros edifícios e frações devolutas, propriedade de várias entidades, para reabilitação e reconversão em habitação.

Como exemplos, o município aponta o antigo edifício que funcionou como jardim de infância de Campos, que vai reconverter em habitação T3, um edifício propriedade da União de Freguesias de Campos e Vila Meã, que será transformado em duas frações de habitação, e ainda a construção de oito novas habitações a custos controlados, de tipologias T1 e T2, com a aquisição de terrenos na União de Freguesias de Campos e Vila Meã.

Com o aditamento ao acordo de colaboração para a ELH, assinado na segunda-feira, entre o município e o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), o investimento inicial no concelho passa de cerca de 300 mil euros para 6,7 milhões de euros.

A reabilitação do bairro social da Mata Velha, é uma das principais intervenções da ELH de Vila Nova de Cerveira.

“Volvidas mais de duas décadas da sua construção, constata-se que este parque habitacional municipal já não reúne as devidas condições, inscrevendo-se nos critérios de situação de habitação indigna, necessitando de trabalhos de melhoramento no âmbito da eficiência energética e na adaptação e melhoria da acessibilidade dos espaços internos”, refere a nota da autarquia.

Para o presidente da Câmara, Rui Teixeira, citado na nota, a revisão do documento vai permitir “colmatar a necessidade habitacional dos jovens que não conseguem tornar-se independentes”, por representar um custo avultado e porque, no caso de Vila Nova de Cerveira, a oferta habitacional é escassa ou inexistente, para quem tem baixos rendimentos e consequente dificuldade em alcançar uma habitação condigna.

Para o autarca socialista, o investimento previsto vai ainda ser uma “ferramenta para atrair e fixar população no concelho”.

A ministra da Habitação, Marina Gonçalves, presente na assinatura do aditamento ao acordo de colaboração para a ELH de Cerveira referiu que “a essência do programa 1.º Direito assenta nas respostas às necessidades prementes através da reabilitação e revitalização, sem descurar a construção de novas respostas que também abranjam os jovens e a classe média”.

+ notícias: Norte

Na mira da justiça. MP investiga alegado caso de corrupção envolvendo ex-autarca de Ovar

O Ministério Público (MP) abriu um inquérito relacionado com um caso de alegada corrupção envolvendo o ex-presidente da Câmara de Ovar Salvador Malheiro, que confirmou ter apresentado esta terça-feira no tribunal local uma queixa-crime contra o autor da denúncia.

O que pensam os portuenses de um país chamado Galécia? 

As eleições regionais da Galiza deste domingo colocaram pela primeira vez a hipótese de o Bloque Nacionalista Galego ascender ao poder, com a intenção de fazer ressurgir o debate do independentismo galego. A irmandade Norte de Portugal Galiza é histórica e a criação de uma nação conjunta foi defendida por muitos no passado. Agora, há quem queira recuperar a ideia.

Homem sofre ferimentos graves depois de cair em rochas do Porto de Aveiro

Um homem, de 55 anos, sofreu esta terça-feira ferimentos graves depois de cair no molhe sul do Porto de Aveiro, incidente que obrigou ao resgate da vítima nas rochas, adiantou à Lusa fonte da Autoridade Marítima Nacional (AMN).