FC Porto (Desporto Adaptado): João Oliveira e Diana Torres, uma história de sucesso

FC Porto (Desporto Adaptado): João Oliveira e Diana Torres, uma história de sucesso
| Desporto
Fábio Lopes

A secção de Desporto Adaptado do FC Porto foi criada há 36 anos, a 9 de dezembro de 1986. Desde então, sucesso é palavra de ordem, sendo já quase incontáveis os triunfos nas mais diversas modalidades, quer no plano nacional, quer além-fronteiras. João Oliveira e Diana Torres são dois bons exemplos de compromisso, profissionalismo e ADN ‘azul e branco’, refletido nas conquistas, quase em catadupa, que têm alcançado de ‘Dragão’ ao peito.

O FC Porto desempenha um importante papel social, através da secção de desporto adaptado, criada durante o mandato de Jorge Nuno Pinto da Costa. Um legado indelével e que honra o passado portista, afigura-se como o presente do clube, tendo já bases enraizadas para um futuro risonho, sustentado no trabalho diário de excelência levado a cabo por atletas, treinadores, coordenadores e toda uma estrutura, imbuída no mesmo espírito vencedor.

A “segunda casa” dos atletas

Um ambiente contagiante e que tem nos seus atletas os principais protagonistas. João Oliveira é um dos casos de sucesso ‘azul e branco’ e de amor ao clube.
“Gosto mesmo muito de estar aqui, é como se fosse a minha segunda casa”, sublinha o jovem atleta dos ‘Dragões’, que tem traçado um trajeto glorioso no ténis de mesa adaptado.

Currículo invejável ao serviço do FC Porto e da seleção

Ao serviço do FC Porto, João Oliveira sagrou-se vice-campeão nacional nos Campeonatos Nacionais individuais na classe 21, que decorreram em maio, em Leiria.
Também no campeonato europeu de ténis de mesa de síndrome de Down, o jovem dragão teve motivos para sorrir, uma vez que Portugal se sagrou pela terceira vez consecutiva campeão da Europa. O quarteto composto por João Oliveira, João Soldado Gonçalves, João Miguel Gonçalves e Pedro Azevedo fez o pleno de vitórias na competição vencendo a Turquia por 3-1, a Itália e a República Checa, ambas por 3-0, e sagrou-se campeão por equipas, pela terceira vez consecutiva.

Recorde-se que já em 2022, João Oliveira escreveu uma página de história ao sagrar-se campeão do Mundo de Ténis de Mesa Adaptado em Equipas masculinas, no IV Campeonato do Mundo ITTADS Ténis de mesa - Nymburk 2022.

“É muito trabalho, muito esforço, muita dedicação, sempre com o apoio da minha equipa”, frisa o jovem, desvendando os segredos do sucesso.

“Eu faço o que eles pedem para evoluir mais para depois ir para fora e tentar ganhar o que conseguir. Com esforço tudo se consegue, sempre com a mesma ambição”, remata João Oliveira, já de olhos postos em novos triunfos.

Do ténis de mesa para a natação, a receita mantém-se: sucesso

Também Diana Torres tem levado o nome do FC Porto além-fronteiras. A jovem nadadora sagrou-se, em setembro, campeã da Europa de natação adaptada, na cidade italiana de Pádua. A competir nos Europeus para atletas com síndrome de Down ao serviço da Seleção portuguesa, a nadadora do FC Porto terminou no primeiro lugar na prova dos 200 metros mariposa, batendo a concorrência com o tempo de três minutos, 57 segundos e 52 centésimas.

Já em outubro de 2022, Diana Torres bateu o recorde mundial de 200 metros mariposa, em seniores, no Mundial de Natação para atletas com Síndrome de Down, que decorreu no Algarve. Além do notável recorde do mundo, a nadadora alcançou uma medalha de prata e quatro de bronze na competição. Uma verdadeira campeã, que parece não conhecer limites, mas que se revela sempre humilde e grata pelo apoio de todos a que a rodeiam.

Cada vez que alcança bons resultados sente que o seu trabalho “é recompensado” e fica feliz “por saber que os treinadores e a família também ficam contentes”, destaca Catarina Cascais, treinadora de Diana.

“A disciplina de treinos é à base disto: muita disciplina, muita responsabilidade, incutindo-lhe um espírito de competição, um espírito vencedor, de garra, gerimos todo o nosso treino à volta disto”, remata Catarina Cascais.

“No futuro talvez o Campeonato do Mundo, quero mesmo ser campeã do mundo e vou mostrá-lo e quero ir, outra vez, com a minha própria treinadora”, defende Diana Torres.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Porto Canal (@porto.canal)

+ notícias: Desporto

Associação Europeia de Estádios destaca nova sala sensorial do Dragão

A ESSMA- Associação Europeia de Estádios destacou esta terça-feira a sala sensorial INZONE do Estádio do Dragão e como o FC Porto tem apostado, nos últimos anos, "numa experiência de jogo mais inclusiva". A nova sala sensorial do estádio dos azuis e brancos foi inaugurada este mês de fevereiro e é inédita em Portugal.

FC Porto (Youth League): Dragão verga o campeão. Crónica de jogo

Portistas bateram o AZ nas grandes penalidades (4-3) após um empate a um golo no tempo regulamentar.

FC Porto (Youth League): Balneário azul e branco festeja acesso aos quartos

Os sub-19 do FC Porto garantiram esta terça-feira um importante acesso aos quartos de final da UEFA Youth League. Uma imagem do balneário dos 'azuis e brancos', partilhada pelos atletas, evidencia os sorrisos e alegria dos "pequenos" Dragões.