FC Porto (Andebol): Missão cumprida no regresso à competição

FC Porto (Andebol): Missão cumprida no regresso à competição
| Desporto
Porto Canal

FC Porto bateu o Académico de Viseu por 47-23 nos 16 avos de final da Taça de Portugal.

47 dias de espera valeram a pena para os adeptos do FC Porto assistirem a mais um triunfo contundente da equipa de andebol. Nos 16 avos de final, os azuis e brancos mostraram estar em forma e bateram natural e tranquilamente o Académico de Viseu por 47-23 no Dragão Arena. Diogo Branquinho, com 11 golos, foi o melhor marcador da partida.

Foi Miguel Alves o primeiro a satisfazer a veia goleadora num encontro em que, durante 15 minutos, o adversário ainda conseguiu competir com os tricampeões nacionais. O FC Porto apresentou-se com uma equipa com rotinas da off season – Diogo Branquinho foi o único elemento do sete inicial que participou no mundial em janeiro – e, com a agressividade positiva defensiva que os carateriza, aliada a uma exibição muito competente de Sebastian Frandsen, os Dragões rapidamente neutralizaram os viseenses e cavaram uma diferença expressiva no marcador. 26-13 era o resultado ao intervalo.

Numa segunda parte em que a história se repetiu inevitavelmente devido à diferença de qualidade entre as duas equipas, mesmo com protagonistas diferentes face à rotação promovida por Magnus Andersson, o destaque foi para a estreia de Mamadou Diocou, lateral direito hispano-senegalês que se estrou a marcar de azul e branco aos 58 minutos. O primeiro remate certeiro de azul e branco seguiu-se a uma rápida mudança de direção com entrada aos seis metros, espelho do que o mais recente reforço pode aportar ao plantel de Magnus Andersson. 30 minutos jogados com o destino da partida já definido terminaram num claro 47-23 e com a passagem aos oitavos de final.

“Estou muito satisfeito com a forma como jogámos, divertimo-nos e mantivemos o foco desde início. Tivemos uma segunda pré-época muito boa, estou muito satisfeito, os treinos têm sido intensos. Fomos a França jogar três amigáveis, tivemos três bons resultados e sinto que estamos a melhorar cada vez mais. Na quarta-feira, vamos jogar a outro nível, mas é bom anteceder esse encontro com uma vitória”, afirmou o treinador dos da Invicta após o embate.

Segue-se um teste de exigência e importância máximas na Liga dos Campeões. Os portistas recebem o Dínamo de Bucareste na próxima quarta-feira (19h45, Porto Canal/FC Porto TV) no Dragão Arena.

FICHA DE JOGO

FC PORTO-ACADÉMICO DE VISEU, 47-23
Taça de Portugal, 16 avos de final
3 de fevereiro de 2023
Dragão Arena

Árbitros: Vânia Sá e Marta Sá

FC PORTO: Sebastian Frandsen e Nikola Mitrevski (g.r); Pedro Valdés (3), André Sousa (1), Victor Iturriza, Pedro Cruz, Nikolaj Laeso (3), Rui Silva (4), Daymaro Salina (2), Ignacio Plaza (4), Jack Thurin (6), Mamadou Diocou (1), Diogo Branquinho (11), António Areia (2), Miguel Alves (6) e Fábio Magalhães (4)
Treinador: Magnus Andersson

ACADÉMICO DE VISEU: Rodrigo Gameiro, António Silva e Rúben Sousa (g.r.); André Lima, Aldrin Andrade (2), Tiago Heber, Miguel Cortinhas (6), Eduardo Almeida (4), José Guerra (1), Benjamin João (1), Kevin Diaz (4), Jefferson Bastos (1), Eduardo Martins (1), Miguel Vieira (1), Diogo Quintas (1) e Diogo Liberato (1)
Treinador: Rafael Ribeiro

Ao intervalo: 26-13

+ notícias: Desporto

Euro2024. Já é conhecido o árbitro para o último jogo de Portugal no grupo F

A UEFA já definiu a equipa de arbitragem para apitar o último jogo de Portugal no grupo F do Euro 2024, depois de a seleção portuguesa ter garantido o apuramento para a próxima fase da competição.

FC Porto (Andebol): Golo de Læsø eleito o quinto melhor da Champions

Jogada aérea frente ao Celje foi distinguida pela Federação Europeia.

Prisão para quatro Casuals do Benfica por violação de menor

Quatro dos 13 arguidos dos “casuals” foram condenados a penas de prisão preventiva, entre sete e nove anos, por violação de um menor.