Info

Incêndio obriga a retirar 500 pessoas do edifício da Segurança Social de Viseu

Incêndio obriga a retirar 500 pessoas do edifício da Segurança Social de Viseu
jornal do centro
| País
Porto Canal com Lusa

Cinco centenas de pessoas foram hoje à tarde retiradas do edifício da Segurança Social de Viseu devido a um incêndio, que não provocou vítimas, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro.

O incêndio deflagrou às 16:29 no primeiro piso do edifício, situado no centro da cidade de Viseu, e foi dominado pelos bombeiros cerca de 20 minutos depois.

"Os andares já foram todos ventilados e foi efetuado o reconhecimento", referiu a mesma fonte, acrescentando que o primeiro piso se mantém interdito.

Cerca das 18:00, os funcionários da Segurança Social e da área da saúde ainda não tinham regressado ao trabalho.

O combate ao incêndio envolveu 37 operacionais e 15 viaturas e obrigou ao corte do trânsito no perímetro do edifício.

 

+ notícias: País

Portugal com seis mortes, 1.020 casos e mais de 100 internados em cuidados intensivos por Covid-19

Portugal registou nas últimas 24 horas seis mortes associadas à covid-19, 1.020 novos casos de infeções confirmadas pelo coronavírus SARS-CoV-2 e um novo aumento nos internamentos, ultrapassando hoje os 100 nos cuidados intensivos.

Padre Lino Maia afirma que "ainda há pessoas por vacinar em lares e isso causa problemas (surtos)"

O Padre Lino Maia, Presidente Nacional das Instituições de Solideriedade, falou, em declarações ao Porto Canal, sobre os surtos nos lares e disse que "o processo de vacinação está a correr, mas ainda têm pessoas por vacinar e isso causa problemas, porque se a vacina não é eficaz, provoca instabilidades nos lares e insegurança nas pessoas".

Ministra da Saúde afasta limitação de visitas a lares

A ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou hoje que não há necessidade de voltar a limitar as visitas a lares de idosos, advogando que as pessoas vacinadas contagiadas com o novo coronavírus desenvolvem "uma doença muito mais moderada".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.