Info

Covid-19: PSD/Madeira cancela Festa do Chão da Lagoa e rentrée no Porto Santo

| Política
Porto Canal com Lusa

Funchal, Madeira, 26 fev 2021 (Lusa) -- A Festa Anual do PSD/Madeira no Chão da Lagoa e o comício da rentrée política que tradicionalmente decorre no Porto Santo foram cancelados pelo segundo ano consecutivo devido à situação da pandemia da covi-19, anunciou hoje o partido.

"O PSD/Madeira informa que tanto a Festa do Chão da Lagoa quanto a rentrée política no Porto Santo estão canceladas, neste ano de 2021", lê-se no comunicado distribuído pela estrutura social democrata da região.

Esta decisão tem por base a "evolução da pandemia e as orientações que têm sido emanadas pelas autoridades de saúde no respeitante ao risco de eventos de massas no contexto da covid-11", referem os sociais-democratas madeirenses.

Outro motivo alegado é "o plano de vacinação em curso e as suas previsões em matéria de alcance".

O PSD/Madeira sublinha que o cancelamento destes dois eventos "é decidido em nome da salvaguarda da saúde pública" e pelo facto de a "grande maioria da população, segundo as estimativas atuais, estará vacinada contra a covid-19 apenas no próximo mês de setembro".

A Festa Anual do Chão da Lagoa acontece anualmente no final de julho e costuma contar com a presença do líder nacional do partido. Em 2020, o evento também foi cancelado.

O mesmo aconteceu com o comício do Porto Santo, que acontece em agosto.

Os sociais-democratas salientam que, como "cidadãos conscientes, têm o dever e a obrigação de garantir que nada prejudique o esforço coletivo que tem vindo a ser assumido no combate e contenção deste vírus e a consequente salvaguarda da saúde individual e coletiva".

No documento, o PSD/Madeira também realça o "excelente trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo Governo Regional no respeitante à contenção da covid-19" e o "papel de todos os profissionais que continuam na linha da frente deste combate".

O partido da maioria na Madeira "enaltece a responsabilidade que todo o povo madeirense tem vindo a demonstrar", complementando que esta postura se deve manter para que os residentes na região continuem a "ser exemplo e possam regressar, em breve, à normalidade, ainda mais fortes".

Segundo os últimos dados divulgados na quinta-feira pela Direção Regional de Saúde, a Madeira registou 53 novos casos infeção por SARS-CoV-2 e 95 recuperados, somando 1.350 situações ativas e um total de 7.086 doentes desde o início da pandemia.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.508.786 mortos no mundo, resultantes de mais de 112,9 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.243 pessoas dos 802.773 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

AMB // MCL

Lusa/fim

+ notícias: Política

Presidente da República promulga alterações do Governo a apoios sociais e realça "cabimento orçamental"

O Presidente da República promulgou hoje alterações do Governo ao acesso a apoios sociais, realçando que ao alargar as medidas recentemente aprovadas no parlamento se reconhece "a sua importância também social e o seu cabimento orçamental".

Operação Marquês: Rio defende reforma e responsabiliza poder político pela ineficácia do sistema

O presidente do PSD defendeu hoje que a reforma da Justiça é a primeira das reformas que Portugal deve fazer e responsabilizou o poder político pela ineficácia do sistema judicial, numa declaração sobre a Operação Marquês.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Zoom Zoom Z o o m