Info

Jovem de 23 anos morre atropelada à porta de casa em Fafe. Condutora já foi identificada

Jovem de 23 anos morre atropelada à porta de casa em Fafe. Condutora já foi identificada
| Norte
Porto Canal (PZS)

Uma jovem de 23 anos morreu atropelada em Ponte do Soeiro, Medelo em Fafe, perto do meio dia desta quarta-feira, apurou o Porto Canal junto das autoridades. A condutora da viatura, na casa dos 52 anos, circulava numa carrinha de mercadorias ligeira amarela, colheu a vítima e pôs-se em fuga.

Os Bombeiros Voluntários de Fafe apuraram ao Porto Canal que quando chegaram ao local “a vítima encontrava-se em paragem cardiorrespiratória tendo sido realizadas manobras de reanimação sem sucesso”. Para além dos bombeiros, foram mobilizados a VMER de Guimarães.

A GNR tomou conta da ocorrência e, ao início da tarde, encontrou a viatura envolvida no atropelamento. A carrinha foi encontrada em Moreira do Rei, a dois quilómetros do local do atropelamento, e já foi apreendida pela GNR.

A GNR acrescenta que a condutora estava transtornada pelo acontecimento, foi identificada e foram adicionadas todos as providências legais.

O alerta foi dado às 12h03.

+ notícias: Norte

A28 cortada no sentido norte-sul em Vila do Conde para remoção de camião acidentado

O trânsito está cortado no sentido norte-sul da Autoestrada 28 (A28) junto ao 'outlet' de Vila do Conde, desde 10:45 e previsivelmente até cerca das 14:00, para remoção de um camião de lixo acidentado, informou hoje a GNR.

Técnicos de educação lutam contra a contratação precária e o direito à mobilidade no Porto

Cerca de 30 profissionais de educação concentraram-se na manhã desta sexta-feira, em frente à Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares, no Porto, para lutarem contra a contratação precária e também pelo direito à mobilidade, ou seja, lutam para que "consigam ficar em escolas próximas do local de residência". 

Ministra da Saúde admite que "o modelo de funcionamento da Psiquiatria do Porto precisa de ser revisto"

A Ministra da Saúde, Marta Temido, disse, em declarações ao Porto Canal, numa visita ao Hospital Conde Ferreira no Porto, que "o modelo de funcionamento da Urgência de Psiquiatria da área metropolitana do Porto precisa de ser revisto". A Ministra acrescentou ainda que "este modelo de funcionamento tem servido a necessidade da população", no entanto já é um modelo com "algum tempo de funcionamento".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.