Info

Casal de 30 anos esfaqueado por mulher junto a discoteca em Fafe

Casal de 30 anos esfaqueado por mulher junto a discoteca em Fafe
| Norte
Porto Canal com Lusa

Um casal com cerca de 30 anos foi esfaqueado na madrugada deste domingo, junto a uma discoteca, em Fafe, por uma mulher da mesma idade, na sequência de uma discussão ocorrida dentro do estabelecimento, disse fonte policial.

Segundo adiantou à agência Lusa fonte do Comando Territorial de Braga da GNR, o incidente ocorreu cerca das 05h00 deste domingo, numa discoteca situada na zona industrial do Socorro, em Quinchães, Fafe, tendo as duas vítimas sido transportadas para o Hospital de Guimarães com ferimentos ligeiros.

De acordo com a GNR, a alegada agressora e outra mulher envolveram-se numa discussão no interior da discoteca, “com troca de palavras e empurrões”, tendo uma delas acabado por ser expulsa do estabelecimento.

A mulher terá então ido ao carro buscar uma faca e desferido vários golpes no pescoço do namorado da mulher com quem tinha discutido, que veio em seu socorro e acabou também por ser golpeada.

Quando a GNR chegou ao local, a agressora tinha-se já posto em fuga, mas, segundo as autoridades, “foi já identificada” com base no relato de testemunhas.

De acordo com esta fonte, o caso está agora a ser investigado pela Polícia Judiciária, uma vez que pode configurar um homicídio na forma tentada.

+ notícias: Norte

A28 cortada no sentido norte-sul em Vila do Conde para remoção de camião acidentado

O trânsito está cortado no sentido norte-sul da Autoestrada 28 (A28) junto ao 'outlet' de Vila do Conde, desde 10:45 e previsivelmente até cerca das 14:00, para remoção de um camião de lixo acidentado, informou hoje a GNR.

Técnicos de educação lutam contra a contratação precária e o direito à mobilidade no Porto

Cerca de 30 profissionais de educação concentraram-se na manhã desta sexta-feira, em frente à Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares, no Porto, para lutarem contra a contratação precária e também pelo direito à mobilidade, ou seja, lutam para que "consigam ficar em escolas próximas do local de residência". 

Ministra da Saúde admite que "o modelo de funcionamento da Psiquiatria do Porto precisa de ser revisto"

A Ministra da Saúde, Marta Temido, disse, em declarações ao Porto Canal, numa visita ao Hospital Conde Ferreira no Porto, que "o modelo de funcionamento da Urgência de Psiquiatria da área metropolitana do Porto precisa de ser revisto". A Ministra acrescentou ainda que "este modelo de funcionamento tem servido a necessidade da população", no entanto já é um modelo com "algum tempo de funcionamento".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.