Info

Distrito do Porto concentra quatro dos cinco fogos ativos no continente

| Norte
Fonte: Agência Lusa

Lisboa, 30 ago (Lusa) - Mais de 300 bombeiros, apoiados por 130 veículos, combatem os quatro incêndios que lavram hoje no distrito do Porto, com o incêndio na zona de Além do Rio/Recarei, no concelho de Paredes, a concentrar a maioria dos meios.

Segundo informação disponibilizada pelas 23:15 na página da Internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil, o fogo no concelho de Paredes lavra desde as 06:11, tem três frentes ativas e estava a ser combatido por 268 operacionais, apoiados por 85 veículos.

Dos cinco incêndios ativos àquela hora, quatro situavam-se no distrito do Porto e um outro lavrava em Amares, distrito de Braga.

Um incêndio no concelho de Santo Tirso, na localidade de Vilar/Lamelas, distrito do Porto, lavrava com uma frente ativa desde as 21:30, mobilizando, às 23:25, 57 operacionais e 18 veículos.

No mesmo distrito, 48 bombeiros com recurso a 14 veículos combatiam às 23:02 um incêndio com duas frentes ativas que começou às 16:18 no concelho de Marco de Canaveses.

No concelho de Penafiel, também no distrito do Porto, 36 operacionais com 12 veículos combatiam às 22:26 um incêndio que lavra desde as 13:56 e tem duas frentes ativas.

De acordo com a informação da Proteção Civil, existia também ao fim da noite de hoje um incêndio no concelho de Amares, distrito de Braga, que mobilizava 64 bombeiros auxiliados por 19 veículos.

Às 23:00 este incêndio, que começou às 18:51, tinha duas frentes ativas.

O incêndio no concelho de Vila Verde, distrito de Braga, foi dado como dominado às 22:19.

Na localidade de Carreira, concelho de Santo Tirso, foi também dominado às 23:07 um incêndio que mobilizava dez bombeiros e quatro veículos.

O fogo que deflagrou na quarta-feira na serra do Caramulo, em Tondela, e que desde então mobilizou centenas de bombeiros foi dominado às 19:09, permanecendo no local 837 operacionais, auxiliados por 242 veículos.

PZA/HB // HB

Lusa/Fim

.

+ notícias: Norte

Aeródromo de Vila Real encerrado a aviões por falta de segurança

O aeródromo municipal de Vila Real está encerrado a aviões, a partir de hoje e por tempo indeterminado, devido a questões de segurança relacionadas com o abatimento do piso, disse fonte da autarquia.

Comissão ordena desmontagem de grua no Porto por incumprir normas de segurança

A comissão de acompanhamento criada depois da queda de duas gruas na cidade do Porto ordenou a desmontagem de uma grua colocada junto a um edifício na Praça da República, por não cumprir a normas estipuladas.

António Costa destaca papel "fundamental" da ferrovia para a internacionalização da economia

O primeiro-ministro, António Costa, sublinhou hoje, em Viana do Castelo, a aposta do Governo na ferrovia, defendendo que se trata de um elemento "fundamental" para a internacionalização da economia.

Atualizado 16-07-2019 12:01

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.