Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Pedro Arroja abre "guerra" com Paulo Rangel devido às obras da ala pediátrica do hospital São João

| Norte
Porto Canal

A construção da ala pediátrica do hospital S. João no Porto está parada e Pedro Arroja, o presidente da 'Associação Um Lugar para o Joãozinho', acusa o escritório de advogados de Paulo Rangel, eurodeputado do PSD, de boicote. O comentador do Porto canal considera que a politica "meteu-se no meio da obra".

Pedro Arroja lançou duras criticas a Paulo Rangel apelidando-o de "politiqueiro de segunda categoria" e afirmando que "tudo vai fazer para que a obra termine".

Com o documento que fez parar a obra na mão, ao qual apelida de "palhaçada jurídica", Arroja sublinha que a obra "é dos cidadãos e das intituições" e que os políticos se sentem "ameaçados" quando um movimento cívico consegue mover 20 milhões de euros para a construção de uma ala pediátrica para oferecer ao hospital de S. João no Porto.

Estranhando a não contribuição de donativos por parte da Associação Comercial do Porto (ACP), visto que conseguiu o apoio por parte da AEP (Associação Empresarial do Porto), entre muitas outras, Arroja aponta o facto de Paulo Rangel e outro membro da sociedade de advogados de eurodeputado fazerem parte da direcção da ACP.

O Porto Canal entrou em contacto com a administração do hospital São João que não quis pronunciar-se sobre o assunto, e ainda contactar Paulo Rangel para reagir a estas acusações, mas até à data da publicação desta notícia não houve qualquer resposta.

+ notícias: Norte

Perigo de derrocada corta Marginal do Douro junto às Fontainhas

Por causa do mau tempo, está em risco a zona da escarpa das Fontainhas, junto à marginal do Douro, no Porto. Desde a manhã desta terça-feira estão a ser feitos trabalhos de estabilização, e por segurança, o trânsito na marginal junto à escarpa está cortado até as cinco da tarde.

Assaltos a carros revoltam moradores do centro da Maia

Os moradores da rua dos Maninhos, no centro da Maia, estão preocupados com a vaga de assaltos de que têm sido alvo. Os assaltantes atuam encapuzados, quase sempre depois da meia-noite e roubam viaturas ou parte delas.

Neve volta a pintar de branco a vila de Montalegre

Depois da chuva e do vento forte, a neve chegou em força ao concelho de Montalegre. Durante a manhã desta segunda-feira a circulação automóvel esteve condicionada e foram registados alguns acidentes.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS