Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Penafiel acolhe primeiro centro no norte para jovens com Síndrome de Asperger

| Norte
Fonte: Agência Lusa

Penafiel, Porto, 21 jan (Lusa) - O primeiro centro de atividades ocupacionais do norte do país destinado a jovens com o Síndrome de Asperger vai começar a funcionar na segunda-feira, numa antiga escola primária de Penafiel, que sofreu obras de adaptação.

Segundo a Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger (APSA), o novo espaço localiza-se na freguesia de Valpedre e está equipado para proporcionar atividades a jovens autistas de elevada funcionalidade.

"Estamos muito contentes com o espaço e reconhecidos à câmara de Penafiel", disse à Lusa António Sousa Vieira, diretor da delegação Norte daquela associação.

E acrescentou: "Quero agradecer ao Município de Penafiel pela cedência deste espaço e pela contribuição necessária à sua remodelação. Desde o primeiro momento acarinhou este projeto e contribuiu para a sua concretização, reforçando esta mais-valia para a região".

O equipamento vai começar a funcionar com três utentes, mas a expetativa da associação é que até ao final do ano se possa chegar aos 12.

A dificuldade atual, explicou, é que ainda não foi possível fazer protocolos com a Segurança Social, o que onera o custo do serviço. Quando tal acontecer, previu, aumentará rapidamente o número de utentes.

O centro de atividades pode acolher até 20 jovens, mas essa capacidade revelar-se-á insuficiente para as necessidades da região norte.

Por isso, assinalou o dirigente, são necessários mais equipamentos no norte, incluindo na região do Porto.

A Síndrome de Asperger é uma perturbação neuro-comportamental de base genética e pode ser definida como uma perturbação do desenvolvimento que se manifesta por alterações sobretudo na interação social, na comunicação e no comportamento.

Calcula-se que em Portugal existam cerca de 40.000 portadores de Síndrome de Asperger, afetando maioritariamente os rapazes.

O centro de atividades ocupacionais de Valpedre tem uma ocupação máxima de 20 utentes, jovens e adultos, com idades superiores a 18 anos.

Treino de competências pessoais e profissionais, informática, artes plásticas, natação, agricultura e jardinagem e saídas de grupo são algumas das atividades previstas para aquele equipamento.

Para Antonino de Sousa, presidente da Câmara de Penafiel, o centro constitui "um desafio que marca pela diferença e demonstra a cidadania da nossa região".

"Mostramos, mais uma vez, que em Penafiel vemos a inclusão social como uma das grandes prioridades", assinalou o edil, em declarações à Lusa.

APM // JGJ

Lusa/fim

+ notícias: Norte

Avarias na rede fixa deixam aldeia de Vila Pouca de Aguiar isolada

Os habitantes da aldeia Ribeirinha, em Vila Pouca de Aguiar, não têm cobertura de rede móvel e internet. As avarias na rede fixa são também frequentes e a população sente-se desprotegida, principalmente em situações de emergência.

Infestação de moscas obrigou ao encerramento do bloco pediátrico do São João

Uma infestação de moscas obrigou hoje ao encerramento do bloco cirúrgico pediátrico do Hospital de São João, no Porto, o que, segundo o presidente desta unidade hospitalar, é “uma prova inequívoca das condições degradantes da assistência”.

Fora da Caixa - São João

No Porto ultimam-se pormenores para aquela que é considerada a noite mais longa do ano, onde a tradição ainda é o que era.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.