Info

MAI vai investir três milhões de euros em cinco instalações da GNR

MAI vai investir três milhões de euros em cinco instalações da GNR
| Economia
Porto Canal com Lusa

O Ministério da Administração Interna (MAI) vai investir três milhões de euros na requalificação e construção de cinco instalações da Guarda Nacional Republicana, avançou à Lusa fonte governamental.

O posto territorial da GNR de Lagos, Cucujães (Oliveira de Azeméis), Barrancos e de Serpa e o destacamento territorial da GNR de São Torcato, em Guimarães, são as instalações que vão ser alvo destes investimentos, cujos concursos vão ser agora lançados, segundo o MAI.

O Ministério tutelado por Eduardo Cabrita prevê que estas novas instalações estejam operacionais a partir do final do próximo ano.

O investimento insere-se na Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos das Forças e Serviços de Segurança do Ministério da Administração Interna.

O MAI refere ainda que “este investimento contínuo em infraestruturas das forças de segurança contempla 210 intervenções e corresponde a um investimento global de 107 milhões de euros”.

Segundo o MAI, nos primeiros dois anos de execução da lei foram concluídas 35 empreitadas, encontrando-se a decorrer ou em fase de concurso 30 empreitadas e em fase de projeto de execução 39 intervenções.

+ notícias: Economia

Áreas metropolitanas do Porto e de Lisboa querem assumir gestão dos comboios suburbanos

As áreas metropolitanas do Porto e de Lisboa estão a trabalhar no sentido de reclamar junto da tutela a gestão dos comboios suburbanos, revelou hoje o presidente do Conselho Metropolitano do Porto (CmP).

Centeno diz que no que depender do Governo rede Multibanco vai continuar gratuita

O ministro das Finanças, Mário Centeno, garantiu hoje que no que depender do Governo "a rede de caixas automáticas" Multibanco vai continuar gratuita para todos os portugueses, depois de um conjunto de banqueiros ter defendido o contrário.

Atualizado 24-05-2019 11:35

Programa renda acessível do Governo entra em vigor 1 de julho

O programa renda acessível do Governo pode reduzir em 125 euros o valor mensal da renda de um T2 no Porto e 57 euros em Vila Real, por exemplo. O programa entra em vigor a 1 de julho e dá isenção fiscal aos senhorios que reduzam a renda até 20% .

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.