Info

Um dos fugitivos mais procurados na Europa foi detido em Esposende

Um dos fugitivos mais procurados na Europa foi detido em Esposende
europol
| Norte
Porto Canal com Lusa

As autoridades espanholas, com a colaboração das forças de segurança portuguesas, detiveram em Portugal "um dos fugitivos mais procurados na Europa" responsável por um esquema que desviou mais de 11 milhões de euros ao fisco, anunciou hoje a polícia do país vizinho.

Segundo direção-geral da Polícia Nacional espanhola, o homem, de nacionalidade espanhola, foi localizado e detido a 22 de junho último nas imediações de um restaurante em Belinho, localidade portuguesa do concelho de Esposende.

"Agentes da Polícia Nacional, em cooperação com a Polícia Judiciária de Portugal e a Guarda Nacional Republicana Portuguesa, prenderam um dos fugitivos mais procurados da Europa", lê-se num comunicado de imprensa enviado hoje para as redações.

O detido estava fugido desde julho de 2016, depois de ter sido condenado a seis anos de prisão por liderar uma rede criminosa que desviou mais de 11 milhões de euros à Agência Tributária espanhola.

A sua fotografia foi incluída em dezembro de 2016 na página "EU Most Wanted Fugitives" (os fugitivos mais procurados na União Europeia" da Europol (polícia europeia).

Segundo a Polícia Nacional espanhola, a sua localização foi possível graças colaboração da rede policial ENFAST (rede europeia de equipas de busca ativa de fugitivos), que tem como objetivo alcançar uma maior eficácia no rastreio e detenção dos maiores criminosos procurados a nível internacional.

+ notícias: Norte

Estudo mostra que é mais difícil aceder ao Ensino Superior Público no Porto

Entrar numa faculdade pública é mais difícil no distrito do Porto, de acordo com os dados de um estudo do Centro de Investigação em Políticas do Ensino Superior (CIPES). Citado pelo jornal Público e divulgado esta sexta-feira, os estudantes que querem entrar no Ensino Superior Público no Porto têm mais difículdades, do que no resto do pais, devido à oferta reduzida da rede pública e da média de acesso não poder ser inferior a 14 valores para garantir a entrada.

Infraestruturas de Portugal nega cancelamentos nas obras da Linha do Minho

A Infraestruturas de Portugal nega cancelamentos na empreitada de eletrificação da Linha do Minho. Em comunicado, informou que nos primeiros meses de 2021 já será possível a circulação ferroviária, em modo elétrico.

Morte por negligência em hospital do Porto com indemnização acordada após 25 anos

O Estado português aceitou pagar 32.500 euros à família de um homem que morreu há 25 anos durante uma cirurgia para retirar uma pinça esquecida no seu abdómen durante uma operação no Hospital de São João, no Porto.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.