Jornal Diário Jornal das 13

Governo aprova na quinta-feira nova estratégia de inovação para Portugal - António Costa

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 14 fev (Lusa) -- O Governo vai aprovar, na quinta-feira, uma nova estratégia de inovação para Portugal 2018-2030, "com metas claras", incluindo um investimento global em Inovação e Desenvolvimento (I&D) até 2030, anunciou hoje o primeiro-ministro, no parlamento.

Outra das metas do Governo nesta estratégia, anunciada por António Costa, no debate quinzenal, na Assembleia da República, em Lisboa, será democratizar o acesso ao ensino superior.

O objetivo é alcançar "níveis de participação na ordem dos 60%, entre os jovens de 20 anos, e alargar para 50% o número de graduados na faixa etária de 30-34 anos".

Por outro lado, no Conselho de Ministros de quinta-feira, o Governo vai aprovar o programa "GoPortugal", que inclui o apoio a novos acordos de colaboração entre Portugal e a Carnegie Mellon University, o Massachusetts Institute of Tecnology (MIT), a Universidade do Texas, em Austin, e a Sociedade Fraunhofer.

Um quarto ponto será a aprovação de Lei da Ciência para "modernizar o regime jurídico das instituições que se dedicam à investigação científica e desenvolvimento tecnológico" e de forma a reforçar "as condições de emprego científico e qualificado".

NS // VAM

Lusa/fim

+ notícias: Política

Ministro diz que Traje à Vianesa tem condições para ser candidato a património mundial

O ministro da Cultura afirmou este sábado, em Viana do Castelo, onde marcou presença no cortejo da Romaria d' Agonia, que o Traje à Vianesa "tem todas as condições" para integrar a lista indicativa de Portugal a Património Mundial.

Governo decreta dispensa de trabalhadores que sejam bombeiros nos distritos em alerta

O Governo determinou esta sexta-feira a dispensa de funcionários públicos e do setor privado que sejam ao mesmo tempo bombeiros nos distritos em alerta vermelho "face ao significativo agravamento do risco de incêndio florestal".

BE quer aproximar salários dos trabalhadores aos dos gestores

O Bloco de Esquerda (BE) quer diminuir a desigualdade salarial entre os gestores e os trabalhadores da mesma empresa em Portugal, avançando com um projeto de lei que abre a porta à fixação de rácios.

Atualizado 18-08-2018 11:50

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.