Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Contas de 2016 da Câmara de Gaia aprovadas por unanimidade

| Norte
Porto Canal com Lusa

Vila Nova de Gaia, Porto, 21 abr (Lusa) - A Câmara de Vila Nova de Gaia aprovou hoje por unanimidade o relatório de contas de 2016, "o melhor da década", destacou o presidente socialista, Eduardo Vítor Rodrigues.

A votação decorreu em reunião de câmara e, conforme revelou à agência Lusa fonte camarária, colheu os votos favoráveis do PS, do movimento independente 'Juntos por Gaia' e de um vereador do PSD, Elísio Pinto, enquanto, também pelo PSD, Firmino Pereira não esteve presente.

Em declarações à agência Lusa o presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia descreveu que "a taxa de execução de 2016 é bastante alta", correspondendo ao cumprimento de metas e ao pagamento de dívidas e de passivo acumulado fruto do Plano de Saneamento Financeiro (PSF).

"Este é claramente o melhor orçamento da década, aliando uma execução orçamental elevada a uma redução do passivo extraordinária. Dá-se uma circunstância histórica que há mais de uma década não se assistia em Gaia, que é estar no verde no que diz respeito ao limite do endividamento", disse Eduardo Vítor Rodrigues, destacando a câmara reduziu a dívida total em 128,5 milhões de euros.

No Relatório de Acompanhamento do PSF, um documento anual obrigatório no âmbito do processo de saneamento financeiro da Câmara de Gaia, lê-se que no ano de 2016 a receita cobrada bruta (excluindo saldo de gerência) ascendeu a 163,5 milhões de euros, enquanto a execução do orçamento da receita, que era de 51,46% em 2011, ascendeu a 85,92 %. Já a despesa total paga pelo Município em 2016 ascendeu a 151,4 milhões de euros.

Informação do executivo socialista, que sucedeu em 2013 ao liderado pelo social-democrata Luís Filipe Menezes, refere que a Câmara de Gaia, distrito do Porto, reduziu dívida orçamental consolidada em 46 milhões de euros. Quanto à redução de pagamentos em atraso, esta foi de 18 milhões de euros, passando de 206 dias no início do mandato para 88 dias no fim de 2016

A mesma informação acrescenta que Gaia tem mais 26 milhões de euros de receitas correntes e mais de 40 milhões de euros de resultado líquido do grupo municipal, sendo que o resultado líquido herdado do anterior executivo foi, refere a Câmara, de quase um milhão negativo.

A agência Lusa tentou obter uma reação junto do vereador social-democrata Firmino Pereira mas até ao momento não foi possível.

Já Elísio Pinto, também do PSD, considerou, em declarações à Lusa à margem da votação, que "se está a viver um novo ciclo autárquico", justificando o voto favorável com a frase: "Há autarcas que estão a devolver uma nova dinâmica aos partidos através da sua ação no poder local".

PYT // LIL

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Trabalhadores de call center do hospital da Arrábida em greve contra transferência da empresa

Perto de 20 trabalhadores do call center do hospital da Luz Arrábida, em Gaia, fizeram em greve esta segunda-feira de manhã. Contestam a transferência para o hospital da Luz da Póvoa de Varzim, e dizem tratar se de uma decisão ilegal. Já a administração do hospital nega qualquer tipo de irregularidade no processo.

População de Trás-os-Montes sem água devido à seca extrema

Em Trás-os-Montes os agricultores continuam preocupados com a falta de água e seca extrema. Todos os dias os bombeiros voluntários de Miranda do Douro vêem-se obrigados a transportar cerca de 160 mil litros para garantir os níveis mínimos dos depósitos em algumas aldeias.

Mulher de 65 anos detida pela GNR em Fafe por suspeita de fogo posto

Uma mulher, de 65 anos, foi detida no domingo por suspeita de fogo posto, na localidade de Golães, segundo informação do Comando Territorial da GNR de Braga, através do sub-destacamento de Fafe.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...