Info

Macau baixa nível de alerta de tufão após passagem de Haima

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Macau, China, 21 out (Lusa) -- As autoridades de Macau reduziram hoje pelas 15:30 (08:30 em Lisboa) o sinal número oito de tufão, numa escala de dez, para sinal três, com o Haima a afastar-se do território sem provocar vítimas.

Segundo os serviços de meteorologia de Macau, o tempo deve manter-se instável durante o resto do dia, com algumas rajadas de vento e chuvas ocasionais.

Segundo a proteção civil, após sete horas de sinal oito, foram registados 14 incidentes, incluindo quatro em imóveis e dez na via pública, desde quedas de andaimes a quedas de vidros e árvores. Ninguém ficou ferido.

No entanto, devido à hora de mudança do sinal, permanecerão encerrados durante todo o dia a maior parte dos serviços públicos, escolas e bancos.

As pontes Nobre de Carvalho, Amizade e Sai Van, que estavam encerradas, foram já reabertas, sendo por sua vez fechado o tabuleiro inferior da ponte Sai Van, que estava a ser utilizado como a única alternativa para ligar a península de Macau e a ilha da Taipa.

Em Hong Kong o sinal oito continua içado e o Observatório da cidade indica que assim deve permanecer até, pelo menos, ao final da tarde.

A aproximação do tufão Haima paralisou Hong Kong e Macau durante boa parte do dia e obrigou ao cancelamento de quase 600 voos nas duas cidades.

As ligações de barco entre Macau e Hong Kong estão também suspensas.

Até ao final da manhã, a proteção civil de Macau tinha registado oito incidentes -- três em imóveis e cinco na via pública.

O tufão Haima, o 22.º do ano, tocou terra na província chinesa de Guangdong pelas 12:00 (06:00 em Lisboa), com ventos entre os 150 e os 166 quilómetros por hora, segundo a agência oficial Xinhua.

Na quinta-feira, o Haima passou pelas Filipinas, onde matou pelo menos 12 pessoas.

ISG // JPS

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

761 mortos nos três países afetados pelo ciclone Idai

As autoridades identificaram até ao momento 761 mortos nos três países africanos que há dez dias foram afetados pela passagem do ciclone Idai.

Número de mortos contabilizados por Moçambique devido ao ciclone sobe para 417

O número de mortos contabilizados por Moçambique, devido ao ciclone Idai, subiu este sábado para 417, anunciaram hoje as autoridades.

Forças Democráticas Sírias anunciam fim do "califado" do Estado Islâmico na Síria

As Forças Democráticas Sírias anunciaram este sábado que o "califado" do grupo extremista Estado Islâmico (EI) foi totalmente eliminado, após combates em Bagouz, o último reduto 'jihadista' na Síria.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.