Metro do Porto: "A previsão é arrancar a operação na linha amarela em março de 2023 e a operação na linha rosa passado seis meses"

| Porto Canal

Tiago Braga, presidente do Metro do Porto, afirma que "os autarcas da Área Metropolitana do Porto já mostraram maturidade" e como tal, quando houver "procura por um lado e garantia da preservação da sustentabilidade da empresa por outro", estes "terão todas as condições para tomarem as suas decisões". Diz ainda que quanto à nova linha e a extensão de outra, as previsões indicam para "arrancar a operação na linha amarela em março de 2023 e a operação na linha rosa passado seis meses".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.