"Não fazia qualquer sentido". Rui Moreira confirma ter recusado convite para número 2 da AD às Europeias

"Não fazia qualquer sentido". Rui Moreira confirma ter recusado convite para número 2 da AD às Europeias
| Política
Porto Canal/Agências

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, confirmou esta terça-feira que foi convidado no domingo à noite por Luís Montenegro para ser o número dois da lista da AD ao Parlamento Europeu, mas recusou.

Em declarações à margem da inauguração da exposição “Pré/Pós – Declinações visuais do 25 de Abril”, no Museu de Serralves, no Porto, o autarca sublinhou ter-se comprovado que as notícias sobre a sua saída para o Parlamento Europeu “não estavam minimamente confirmadas”.

“Eu tinha dito que as notícias sobre a minha saída não estavam minimamente confirmadas, como se confirmou ontem [segunda-feira] pelos responsáveis do PSD eu nunca fui convidado para cabeça de lista”, começou por responder Rui Moreira.

E prosseguiu: “tive uma conversa com o presidente do PSD, no domingo à noite, em que ele me sondou para a possibilidade de integrar a lista, na posição número dois. Eu agradeci o convite, mas não fazia qualquer sentido”.

Enfatizando que “não estava a contar com nada, nem poderia contar”, Rui Moreira lembrou ter sido anunciado para segunda-feira a divulgação dos cabeças de lista do PSD e do PS, pelo que, assinalou “ninguém o poderia convidar num domingo à noite. Era impossível!”.

Rui Moreira frisou ainda que nunca fala nem pensa sobre "convites que nunca foram formulados”, lamentando que “durante semanas” tenham andado a lançar o seu nome [como candidato a eurodeputado] e, depois, nesse período, “não houve quem dissesse”, a não ser ele, “que não fora convidado”.

Assegurando que “não há nenhum desconforto" com Luís Montenegro, com quem fez a visita à exposição e trocou elogios nos discursos, Rui Moreira garantiu estar “muito bem na Câmara do Porto”.

A terminar, o autarca disse “gostar muito” de Sebastião Bugalho, o cabeça de lista pela AD, afirmando ser “uma boa escolha”, o mesmo afirmando sobre Marta Temido, número um pelo PS às europeias.

O primeiro-ministro abandonou a exposição sem querer falar as jornalistas sobre o assunto.

+ notícias: Política

Vereador da Câmara de Matosinhos defende mais policiamento noturno no concelho

O vereador da Câmara de Matosinhos António Parada defendeu esta quarta-feira mais policiamento noturno no concelho, considerando que a Polícia Municipal "deixa de ser vista pelos matosinhenses" à noite, altura em que diz haver mais assaltos.

Montenegro compromete-se a aumentar investimento na cultura em 50%

O primeiro-ministro, Luís Montenegro, assumiu esta quarta-feira, em Aveiro, o objetivo de aumentar o investimento na cultura em 50% até ao final da atual legislatura e defendeu a aposta no bom jornalismo para combater as "fake news".

PSD: Montenegro eleito novo presidente com 73% dos votos

O social-democrata Luís Montenegro foi hoje eleito 19.º presidente do PSD com 73% dos votos, vencendo as eleições diretas a Jorge Moreira de Silva, que alcançou apenas 27%, segundo os resultados provisórios anunciados pelo partido.