“O Chega excede-se em alguns comentários”. O que diz a opinião pública sobre o cancelamento do partido

“O Chega excede-se em alguns comentários”. O que diz a opinião pública sobre o cancelamento do partido
Porto Canal
| Norte
Porto Canal

O Facebook restringiu algumas ações da página do partido Chega para os próximo 10 anos, uma ação que foi motivada pelo desrespeito pelos padrões de comunidade, informação confirmada por um comunicado do partido a qual o Porto Canal teve acesso.

De acordo com o que o Porto Canal conseguiu apurar, as opiniões dividem-se, no que diz respeito à atitude da rede social, independentemente das convicções partidárias.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Porto Canal (@porto.canal)

Se por um lado se julga a ação do partido e se louva o bloqueio da página, como forma de sanção, por outro, a ideia de censura também não agrada.

"A tua conta está restringida durante 3649 dias. A atividade da tua conta desrespeitou os nossos Padrões de Comunidade. Portanto, não podes executar uma ou várias ações habituais". É esta a mensagem que estará a ser exibida aos administradores da página da rede social do partido que é agora a terceira força política da assembleia da república.

O partido liderado por André Ventura não demorou a reagir, afirmando que vai avançar com "a maior ação de sempre em Portugal contra a Meta" e "chamar os responsáveis ao Parlamento".

De acordo com o jornal Observador, a decisão deve-se à publicação recente de uma notícia relacionada com a comunidade cigana. O vídeo, intitulado de “Até quando vamos aceitar esta impunidade?”, conta com uma intervenção de Ventura, no Parlamento, enquanto vão sendo mostradas imagens de um grupo que assume ter agredido e rapado o cabelo a uma mulher de forma a lhe poder retirar duas crianças que se encontravam à sua guarda.

No vídeo que estará na origem deste bloqueio, o líder do Chega fala de uma “impunidade brutal” para com “a comunidade cigana tem em Portugal”, realçando que “só há um partido capaz de dizer a verdade”.

O Observador avança também que a conta de facebook do próprio André Ventura também se encontra com restrições desde dezembro, o que impede o deputado de publicar na sua conta, limitando-se a partilhar conteúdos difundidos pela página do partido, algo que deixará agora de ter oportunidade de fazer.

+ notícias: Norte

Braga defende que alta velocidade entre Porto e Vigo não pode cair no esquecimento

O presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, defendeu esta quarta-feira que o eixo atlântico da linha ferroviária de alta velocidade deve ser a prioridade do Governo, prometendo manter o tema da ligação Porto-Vigo na agenda pública.

Jovem de 20 anos morre em despiste contra árvore em Guimarães

Um jovem de 20 anos morreu esta quarta-feira na sequência de um despiste na circular urbana de Guimarães, na zona de Azurém, disse fonte do Comando do Ave da Proteção Civil.

Homem morre após cair dentro de um poço em Bragança

Um homem de 68 anos foi esta quarta-feira encontrado sem vida dentro de um poço na localidade de Peredo de Bemposta, no concelho de Mogadouro, distrito de Bragança, disse à Lusa fonte da GNR.