"Vai ser ótimo", diz Pedro Nuno Santos sobre futuro relacionamento com Marcelo 

"Vai ser ótimo", diz Pedro Nuno Santos sobre futuro relacionamento com Marcelo 
Foto: Ana Torres | Porto Canal
| Norte
Porto Canal/Agências

O novo secretário-geral do PS, Pedro Nuno Santos, antecipou esta sexta-feira que o seu relacionamento com o Presidente da República “vai ser ótimo” e afirmou que António Costa lhe deixa um legado com “muitos resultados”.

Em declarações aos jornalistas a saída do 24.º Congresso Nacional do PS, em Lisboa, Pedro Nuno Santos foi questionado sobre como será o seu relacionamento com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

“Vai ser ótimo. Tenho muito respeito pelo senhor Presidente da República, tenho uma boa relação com o Presidente da República”, respondeu o líder do PS, que rejeitou que a sua relação com Marcelo Rebelo de Sousa não tenha começado bem.

Respondendo a uma jornalista que afirmou que foi Marcelo Rebelo de Sousa que quis a sua demissão em dezembro de 2022, Pedro Nuno Santos disse: “Queria? Nunca me disse isso. Não sabia, eu gosto muito do senhor Presidente da República”.

Nestas declarações, Pedro Nuno Santos afirmou que o dia desta sexta-feira “é emocionante” a nível pessoal e admitiu ter ficado emocionado com o discurso de António Costa na abertura do congresso, em que lhe desejou “do fundo do coração todas as felicidades do mundo”.

“Foi um belíssimo discurso do primeiro-ministro, para todos nós”, disse.

Já questionado se Costa lhe deixa um legado pesado, Pedro Nuno Santos respondeu: “Não, resultados, muitos resultados, resultados muito positivos”.

“E ainda com muita coisa para fazer, problemas por resolver”, disse.

Relativamente ao futuro político de António Costa, Pedro Nuno Santos pediu calma, e rejeitou comentar se conta com o primeiro-ministro para as eleições europeias, referindo que ainda só se está nas legislativas.

+ notícias: Norte

“Fui ao mar buscar água para lavar a louça”. 14 pessoas vivem sem água e luz no parque de campismo de Cortegaça

Sem acesso a água potável e eletricidade. É assim que 14 pessoas ainda vivem no parque de campismo de Cortegaça, no concelho de Ovar. Dívidas contraídas pela anterior gestão da infraestrutura estão na origem de um problema cuja solução, mais de meio ano depois, poderá chegar já no final do mês de abril.

Homem desaparecido há mais de um mês encontrado morto em habitação devoluta em Braga

Um cadáver foi encontrado, na tarde desta quinta-feira, no interior de uma habitação devoluta na Rua Cidade do Porto, em Braga. 

Vítima encarcerada após despiste na A28

O despiste de um veículo ligeiro, na A28, na saída de Outeiro, em Viana do Castelo, deixou na tarde desta quinta-feira, uma mulher de 45 anos encarcerada.