PSD vai fazer exposição ao Conselho Superior do Ministério Público sobre buscas

PSD vai fazer exposição ao Conselho Superior do Ministério Público sobre buscas
| Política
Porto Canal/Agências

O presidente do PSD anunciou que o partido vai fazer uma exposição ao Conselho Superior do Ministério Público sobre as buscas da semana passada, depois de ter recebido uma resposta da procuradora-geral da República (PGR) considerada insuficiente.

“Temos de garantir que em Portugal a democracia funciona”, afirmou Luís Montenegro, no jantar do grupo parlamentar do PSD.

Depois de alguns deputados terem criticado a forma como a direção do partido e da bancada reagiu às buscas efetuadas pela Polícia Judiciária à casa do ex-presidente Rui Rio e a sedes do partido, Montenegro voltou a considerar adequada a resposta dada, lembrando que foi enviada uma carta a Lucília Gago um dia depois, alertando para a desproporção das mesmas.

“A senhora procuradora-geral entendeu responder-nos dizendo apenas que tinha tomado nota e enviado para o processo a nossa preocupação. É naturalmente pouco”, afirmou.

Por isso, anunciou, nos próximos dias o partido decidiu “apresentar uma exposição ao Conselho Superior do Ministério Público para que seja apurada toda a envergadura e todo o respeito das regras destas diligências”, por um lado.

“Por outro lado, para que nunca seja permitido que a informação apreendida e que não é necessária possa ser salvaguardada. Não vamos aceitar que quem quer seja possa ter elementos que possa usar para condicionar ação política do partido”, afirmou.

Sem responder diretamente ao apelo de alguns deputados para que a PGR fosse chamada ao parlamento, Montenegro assegurou que o partido “não quer ofender ninguém nem ir a correr patrocinar alterações legislativas”, apelando à colaboração de todos para “não haver nenhuma dúvida sobre a conduta política” do PSD.

“Não somos daqueles que tratam de assuntos sérios de forma irresponsável. Não vejo razão nenhuma para nós estarmos a ter qualquer posição assente em estados de alma ou em agendas pessoais de quem quer que seja”, afirmou.

+ notícias: Política

Conta do Chega no Facebook bloqueada durante 10 anos

O partido Chega vai ter a sua conta oficial no Facebook “restringida” durante 10 anos, ação motivada pelo desrespeito pelos padrões de comunidade, informação confirmada por um comunicado do partido a qual o Porto Canal teve acesso. André Ventura já reagiu a esta sanção, acusando a plataforma de “censura política” e revelando que vai levar o caso à justiça.

Montenegro em Madrid na segunda-feira para fortalecer relação com Espanha

A visita do primeiro-ministro a Madrid, na segunda-feira, traduz a importância que dá à relação entre Portugal e Espanha e visa "fortalecer a posição dos dois países" na União Europeia, disse o gabinete de Luís Montenegro.

PSD: Montenegro eleito novo presidente com 73% dos votos

O social-democrata Luís Montenegro foi hoje eleito 19.º presidente do PSD com 73% dos votos, vencendo as eleições diretas a Jorge Moreira de Silva, que alcançou apenas 27%, segundo os resultados provisórios anunciados pelo partido.