Info

FC Porto vence o segundo classificado por 3-2 

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Na 11.ª jornada do nacional de hóquei em patins, o FC Porto entrou com um objetivo claro: derrubar, pela primeira vez, a Oliveirense nesta edição da Liga. Assim o concretizou, com golos de Rafa, Carlo Di Benedetto, Xavi Barroso (3-2).

Apesar de um começo de grande equilíbrio e intensidade, Rafa desbloqueou o encontro com grande engenho aos 16 minutos, ao desviar para a baliza da Oliveirense uma bola que vinha algo confusa de uma disputa entre Reinaldo García e um adversário. Ao intervalo, sorria a vantagem aos Dragões (1-0).

O início da segunda parte foi de grande proveito para os azuis e brancos. Depois de Jorge Silva ter visto o cartão azul, Carlo Di Benedetto não conseguiu concretizar o livre direto resultante dessa mesma falta, mas, logo de seguida, marcou o segundo dos da Invicta. Nem um minuto depois, Xavi Barroso triplicou a vantagem do FC Porto na partida e praticamente parecia ter fechado o rumo da partida (31m). Lucas Martínez, aos 33 minutos, viu cartão azul, mas Gonçalo Alves não foi feliz no livre direto, tendo-se mantido o 3-0 no placar. Se tudo parecia decidido, Lucas Martínez fez questão de deixar o embate em aberto em 30 segundos, a oito minutos do final, ao bisar e deixar a Oliveirense a apenas um golo do empate. A menos de dois minutos do término do jogo, Xavi Malián mostrou-se decisivo ao defender o livre direto marcado por Lucas Martínez, resultante da décima falta azul e branca, e, desta forma, o FC Porto cumpriu o objetivo a que se propôs para esta partida: vencer.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.