Info

FC Porto B venceu o Mafra (3-1) na quinta jornada da segunda liga

| FC Porto
Porto Canal com FC Porto

O FC Porto B voltou a vencer na Liga Portugal 2. Desta feita, a vítima dos azuis e brancos foi o Mafra (2-1), que foi vergado com dois mísseis (um de Samba Koné e outro de Zé Pedro) e um contra-ataque mortífero, que resultou num golo de Peglow.

Uma entrada com grande fulgor do FC Porto no primeiro tempo traduziu-se em dois golos com menos de um quarto de hora jogado. Aos 10 minutos, Samba Koné confirmou o que já havia mostrado na pré-época, a sua grande capacidade de finalização, e disferiu um autêntico míssil à entrada da área do Mafra, que deixou o guarda-redes adversário autenticamente pregado ao relvado. Aos 14 minutos, na recarga de um livre direto, depois de uma falta sofrida por Bernardo Folha, Zé Pedro estreou-se a marcar pelos Dragões com um pontapé forte que Miguel Santos não conseguiu impedir que acabasse no fundo das suas redes. Depois de uma afirmação tão forte do FC Porto na partida, só uma força externa à normalidade do futebol poderia equilibrar a partida, e assim foi: Zé Pedro dividiu, ombro a ombro, com Rodrigo Martins um lance dentro da área azul e branca, venceu o duelo por ser mais robusto fisicamente e o árbitro assinalou grande penalidade para espanto geral. Na marcação do penálti, Gui Ferreira marcou e reduziu a desvantagem do Mafra no placar. Com pouco critério da equipa de arbitragem e com várias reclamações de parte a parte sobre decisões duvidosas do juíz da partida fechou a etapa inaugural desta partida da quinta jornada da Liga.

Na etapa complementar, o Mafra entrou mais forte, à procura de igualar a partida, e até enviou uma bola à trave portista (57m), mas o FC Porto soube proteger as suas redes e ainda marcou o terceiro tento, num contra-ataque mortífero, por João Peglow (90m+2), tendo chegado ao final da partida com os três pontos mais do que merecidos.

“Uma entrada muito forte da equipa, fizemos dois golos, a equipa interpretou bem o que queríamos para o jogo, sofremos o 2-1 e a equipa ficou intranquila, e o Mafra equilibrou. Não adianta vir para aqui dizer que se dominou, a mim o que me diz foi a competência que os meus jogadores tiveram, explorámos bem as debilidades do Mafra, fizemos 3 golos e podíamos ter feito mais cedo o 3-1. O importante é valorizar a atitude, a vitória e dar continuidade ao crescimento destes jovens. Não estou totalmente satisfeito porque ahco que podemos jogar melhor, mas o mais importante é ganhar para estes jogadores perceberem a dimensão do FC Porto. Quero construir um grupo coeso, unido, com todos a remar para o mesmo lado. Eles têm que perceber que cada minuto é uma oportunidade de mostrar ao treinador que querem jogar. Estou contente porque eles têm entrado mbem, são muito competitivos, a concorrência está feroz dentro do grupo e quero que cresça mais. Houve momentos em que nos precipitamos bastante, tivemos fases erm que sofremos um bocadinho, o adversário tem qualidade, nunca tinha perdido fora, os meus jogadores estão de parabéns. Mesmo ganhando ou perdendo, não me admira nada que a meio da época a Liga 3 vá ter VAR e a Liga 2 não. O dinheiro tem que ser gasto para a seriedade desportiva” afirmou, no final da partida, António Folha, treinador portista.

Na próxima jornada do campeonato, a equipa B do FC Porto desloca-se a Chaves para defrontar o Grupo Desportivo de Chaves (domingo, 19 de setembro, 14h00, Sport TV+).

+ notícias: FC Porto

Sérgio Conceição: "O Moreirense FC tem uma equipa de qualidade, mas o FC Porto vai à procura do mais importante, que são os três pontos"

O treinador da equipa do FC Porto, Sérgio Conceição, afirmou, na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Moreirense FC do próximo domingo, que "a equipa do Moreirense FC tem jogadores e equipa técnica com grande qualidade, o que reflete aquilo que é a difculdade deste campeonto, mas garante que o FC Porto vai à procura do mais importante, que são os três pontos".

FC Porto cria Grupo de Alto Rendimento na Natação em Campanhã

O objetivo deste Grupo de Alto Rendimento é potenciar as condições de preparação dos nadadores azuis e brancos.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.