Info

Covid-19: Itália com 14.472 novos contágios e 492 mortes nas últimas 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Roma, 28 jan 2021 (Lusa) -- A Itália registou 14.472 novos casos de infeção de covid-19 e 492 mortes atribuidas à doença nas últimas 24 horas, indicou o Ministério da Saúde italiano no habitual boletim diário sobre o estado da pandemia no país.

Com o aumento do número de óbitos, mais 25 do que na quarta-feira, Itália acumulou desde o início da pandemia, em fevereiro de 2020, 87.381 mortes, resultantes dos 2.515.507 casos detetados desde então.

Nas últimas 24 horas, no entanto, foram registados menos 732 casos do que no dia anterior.

A diminuição tem em conta o facto de se terem realizado menos testes do que na véspera - 275.179 nas últimas 24 horas contra os cerca de 300.000 feitos no dia anterior.

A pressão nos hospitais continua a diminuir, já que a maioria das 474.617 pessoas com casos ativos atualmente em Itália encontra-se em casa, enquanto 20.778 estão hospitalizados, menos 373 do que quarta-feira.

Nas unidades de cuidados intensivos estão agora 2.288 pacientes, menos 64 do que na véspera.

A Itália prossegue, entretanto com a campanha nacional de vacinação e hoje atingiu um total de 1.653.027 doses administradas. Desse total, 338.067 pessoas já receberam a segunda dose.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.176.000 mortos resultantes de mais de 100 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

 

JSD // ANP

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Nova variante do coronavírus chama-se Omicron e é de preocupação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou hoje como "de preocupação" a nova variante B.1.1.529 do coronavírus que causa a covid-19, detetada pela primeira vez na África do Sul, e designou-a pelo nome Omicron.

Líbia: Tribunal restabelece candidatura de filho de Kadhafi às presidenciais (media)

Tripoli, 02 dez 2021 (Lusa) -- O Tribunal de Recurso de Sabha (sul da Líbia), restabeleceu hoje a aprovação formal da candidatura de Seif al-Islam Kadhafi, filho do antigo ditador Muammar Kadhafi, às eleições presidenciais de 24 deste mês, indicou a imprensa local.

Covid-19: Itália vai começar a vacinar crianças a partir de 16 de dezembro

Roma, 02 dez 2021 (Lusa) -- A Itália vai começar a vacinar crianças entre os cinco e 12 anos contra a covid-19 a partir de 16 de dezembro, anunciou hoje o gabinete do comissário especial designado pelo governo para gerir a pandemia.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.