ESPECIAL CANDIDATURAS
CLIQUE AQUI PARA VER MAIS
Projeto Parceria
Porto Canal
Info

Bragança e Vila Real entre dez distritos em alerta especial laranja nas próximas 72 horas

Bragança e Vila Real entre dez distritos em alerta especial laranja nas próximas 72 horas
| Norte
Porto Canal com Lusa

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) decretou esta segunda-feira a passagem de dez distritos, maioritariamente no interior, entre eles o de Bragança e Vila Real, ao estado de alerta especial laranja nas próximas 72 horas devido a risco de incêndio rural muito elevado ou máximo.

A informação foi avançada hoje em conferência de imprensa na sede da ANEPC (Oeiras), pelo comandante operacional nacional, Duarte Costa, que afirmou estarem "reunidas as condições favoráveis à eventual ocorrência da propagação de incêndios rurais", tendo por base as previsões meteorológicas do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) para os próximos dias.

O comandante Duarte Costa referiu que as condições previstas para as próximas 72 horas são de tempo seco e quente, com humidade relativa no ar inferior a 20%, vento moderado a forte, sobretudo nas terras altas, temperaturas máximas superiores a 36 graus no sotavento algarvio e no interior norte e possibilidade de trovoada seca no interior norte e centro.

"A ANEPC, através do seu comando nacional, decretou a passagem para o estado de alerta especial laranja para os seguintes distritos: Beja, Bragança, Castelo Branco, Évora, Faro, Guarda, Portalegre, Santarém, Vila Real e Viseu", disse o comandante Duarte Costa, acrescentando que se mantém o estado de alerta especial amarelo para os restantes distritos do país.

+ notícias: Norte

Meios aéreos juntam-se ao combate ao fogo no parque do Gerês

Meios aéreos juntaram-se esta tarde ao combate ao incêndio que lavra desde sábado no Lindoso, Ponte da Barca, depois de ter levantado o nevoeiro que impediu o combate aéreo durante a manhã, informou fonte da Proteção Civil.

Autarca de Vizela diz que a situação da poluição do rio não for resolvida irá acontecer um boiocote às eleições presidenciais 

Dezenas de pessoas manifestaram-se, este sábado de manhã, em frente à ETAR de Serzedo, no concelho de Guimarães, para protestar contra o funcionamento do equipamento, que dizem estar a poluir o rio Vizela. O Presidente da Câmara avisa que caso a situação não seja resolvida, vem aí um boicote nas eleições presidenciais de janeiro.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.