Pinto da Costa e José Sócrates reencontram-se num almoço no Porto

| Política
Porto Canal (JAS)

Depois da visita ao Estabelecimento Prisional de Évora, Pinto da Costa e José Sócrates voltaram a encontrar-se, desta vez num restaurante da cidade do Porto.

O ex-primeiro-ministro veio agradecer ao Presidente do Futebol Clube do Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, a amizade demonstrada aquando da visita quando estava preso.

O líder dos dragões brincou com a situação dizendo que "José Sócrates teve a amabilidade de querer conviver com as pessoas que tiveram a oportunidade de o visitar quando ele esteve em estágio em Évora, e onde conseguiu manter esta excelente forma física."

Já o antigo líder socialista afirmou que veio ao almoço "para que o Presidente soubesse como foi importante para mim a gentileza que teve, e a amizade que me dedicou. Não esquecerei e vim aqui retribuir esse gesto".

Além do tópico do desporto, a conversa teve ainda espaço para a política. José Sócrates que está em liberdade desde Outubro preferiu não falar directamente da decisão de Cavaco Silva e da actual situação nacional e afirmou que "são tempos que ao mesmo tempo são preocupantes e entusiasmantes. A política é um assunto dos homens, e por isso traz-nos sempre surpresas". O ex-primeiro-ministro deixou ainda um aviso "se alguns tiveram como objectivo que eu me calasse estão equivocados. Continuarei a participar no debate político".

Recorde-se que a última vez que José Sócrates e Pinto da Costa estiveram juntos foi em Dezembro do ano passado, durante a estadia na prisão do ex-primeiro-ministro em Évora.

+ notícias: Política

Cotrim de Figueiredo acusa PS de transformar Portugal em país "medíocre e incapaz"

O presidente da Iniciativa Liberal (IL), João Cotrim de Figueiredo, acusou hoje o PS de estar a transformar Portugal num “país medíocre e incapaz”, com uma visão da maioria absoluta “autoritária e prepotente”.

António Costa diz que os trabalhos de gasoduto em Portugal estão "muito avançados"

O primeiro-ministro, António Costa, garantiu que o percurso de gasoduto em Portugal já está definido e que os trabalhos estão "muito avançados". Revelou ainda que as limitações ambientais têm "atrasado bastante o problema".

Combate à seca no Douro: autarcas pedem soluções imediatas para mitigar problema 

Os municípios do Douro exigem soluções imediatas enfrentar o problema da seca e os autarcas d região alertam que as produções de viticultura podem estar em causa.