Esposende aposta na observação de aves como produto estratégico para o turismo

| Norte
Porto Canal / Agências

Esposende, 29 set (Lusa) - A Câmara de Esposende decidiu apostar na observação de aves como um "produto estratégico" para o turismo, tirando partido das quase duas centenas de espécies identificadas no litoral do concelho, algumas delas consideradas raridades, informou hoje o município.

Nesse sentido, foi criada a plataforma oportobirdwatchingtours.com, um 'site' nesta fase especificamente orientado para os turistas estrangeiros, mas que posteriormente será também dirigido aos aficionados portugueses.

Na plataforma, os interessados encontram informação detalhada sobre as aves do estuário do Cávado e sobre os pontos de observação, além de poderem marcar uma visita guiada ao local.

Para o presidente da Câmara, esta é "uma ferramenta da maior importância, que contribuirá para atrair mais turistas e visitantes ao concelho".

"A observação de aves é vista como um produto estratégico, na medida em que contribuirá para combater a sazonalidade", sublinhou Benjamim Pereira.

O mergulhão de pescoço castanho, o cisne mudo, a gaivota de bico riscado e a escrevedeira das neves são algumas das "raridades" identificadas em Esposende.

Já entre as espécies "mais interessantes" contam-se a coruja do nabal, o pisco de peito azul e o bufo pequeno.

A plataforma de observação de aves foi apresentada no Dia Mundial do Turismo, altura em que a Câmara de Esposende lançou também o guia turístico do concelho, publicação que dá especial destaque ao Parque Natural do Litoral Norte.

VCP // JGJ

Lusa/fim

+ notícias: Norte

Encontrado corpo de pescador desaparecido em praia de Viana do Castelo

O corpo de um pescador de 57 anos, que estava desaparecido desde ontem à tarde, foi encontrado este domingo de manhã na praia da Arda, em Afife, Viana do Castelo.

Câmara de Matosinhos investe 7,5 milhões de euros na requalificação do Corredor Verde do Leça

Câmara Municipal de Matosinhos investe 7,5 milhões de euros em 5,5 quilómetros, entre a Ponte da Pedra e a Ponte de Moreira. A segunda fase da empreitada já está adjudicada.

Moedas elege “quatro grandes desafios” para o PSD e dá apoio incondicional a Montenegro

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, elegeu hoje “quatro grandes desafios” para os sociais-democratas voltarem ao Governo, e colocou-se ao lado de Luís Montenegro “para o que der e vier”.