Prisão para quatro Casuals do Benfica por violação de menor

Prisão para quatro Casuals do Benfica por violação de menor
| Desporto
Porto Canal

Quatro dos 13 arguidos dos “casuals” foram condenados a penas de prisão preventiva, entre sete e nove anos, por violação de um menor.

O julgamento de 13 elementos dos ‘No Name Boys’ arrancou no final de fevereiro, no Campus da Justiça em Lisboa. Oito dos adeptos benfiquistas estavam em prisão preventiva, com os restantes cinco em liberdade, mas sob obrigação de se apresentarem diariamente na esquadra da área de residência. A par disso, também estão impedidos de entrar em recintos desportivos.

Recorde-se que o caso aconteceu em abril de 2022, quando os arguidos, após um jogo de futebol, levaram o rapaz para a parte de trás de uma rulote de hambúrgueres, por ter fotografado a bancada onde estavam as claques e partilhado nas redes sociais. Além das imagens, os arguidos terão também referido que não aceitavam que o rapaz tivesse amigos do Sporting, tendo molestado sexualmente, ameaçado, agredido e roubado o rapaz.

+ notícias: Desporto

FC Porto: Novidades para breve na relação com os associados

Está em marcha uma profunda transformação na relação entre o FC Porto e os seus associados. A partir desta semana, num horizonte temporal que se estende até 2025/26, o Clube irá implementar um conjunto de medidas com o objetivo de aproximar os sócios da vida da instituição, melhorando a experiência dos adeptos e promovendo a militância dos Dragões.

FC Porto é o clube português mais bem classificado no ranking da UEFA

A UEFA atualizou esta sexta-feira o seu ranking de clubes e o FC Porto ocupa a 12ª posição, sendo a equipa portuguesa mais bem posicionada nesta lista de melhores equipas do desporto rei.

“Os nossos adeptos foram absolutamente fundamentais nesta conquista”

Esta sexta-feira (22h30), vai para o ar um “Azul e Branco” especial sobre o título de hóquei em patins.