CP perdeu clientes a Norte do país, mas 2023 foi ano de mais passageiros

CP perdeu clientes a Norte do país, mas 2023 foi ano de mais passageiros
CP
| Norte
Porto Canal

Em 2023, a Comboios de Portugal (CP) transportou mais 25 milhões de passageiros do que em 2022, mas as receitas diminuíram em 8,4 milhões de euros. Esta situação, escreve o jornal Público, deve-se ao Programa de Apoio à Redução Tarifária, que baixou os preços dos passes mensais, aumentando a procura sem aumentar os lucros. O aumento de passageiros aconteceu, contudo, a Sul, uma vez que em Coimba e no Porto o serviço perdeu adesão.

De acordo com o Público, enquanto os suburbanos de Lisboa registaram um aumento de 26,2 milhões de passageiros, os serviços no Porto e Coimbra perderam clientes, bem como os comboios regionais e de longo curso. Assim, apesar do aumento no número total de passageiros, a CP viu as suas receitas cair de 255,7 para 247,4 milhões de euros.

As greves no primeiro semestre também afetaram negativamente as receitas, especialmente nos serviços de longo curso.

+ notícias: Norte

Proprietário de casa que tem obra de Bordalo II em Viseu exige que Câmara pague os danos

O proprietário de uma casa que tem na sua fachada uma obra de Bordalo II exigiu esta quinta-feira à Câmara de Viseu a reparação de danos que alegou terem sido provocados pela forma como foi colocada a instalação artística.

Braga divulga programação completa para Noite Branca

Pedro Abrunhosa, Carminho e Bárbara Bandeira são alguns dos nomes do cartaz da edição 2024 da Noite Branca de Braga, que vai decorrer de 6 a 8 de setembro, com seis palcos espalhados pela cidade, anunciou o município.

Eduardo Vítor e Câmara de Gaia absolvidos pelo Tribunal de Contas

A Câmara de Gaia e o seu presidente, Eduardo Vítor Rodrigues, foram absolvidos pelo Tribunal de Contas (TdC) em vários processos relativos a contas do município entre 2016 e 2022, divulgou esta quinta-feira a autarquia.