Casa do Douro precisa de obras de requalificação urgentes e pede apoio ao Governo

| Norte
Porto Canal

Em 1944 ergueu-se a sede da Casa do Douro na cidade do Peso da Régua. O esforço dos viticultores permitiu a construção do emblemático edifício, com a assinatura do arquiteto José Porto que acabou por se tornar a imagem da lavoura duriense.

O passar dos anos tem deixado marcas profundas no edifício que precisa de obras urgentes de reabilitação. Sem verbas para realizar as obras necessárias, a Federação Renovação do Douro, que é a atual proprietária do edifício, pede apoio ao governo para evitar uma maior degradação do edifício.

O presidente da autarquia do Peso da Régua considera que será inevitável que o edifício volte a esfera pública e por isso o melhor é avançar de alguma forma com as obras de recuperação necessárias e, dessa forma, a autarquia promete dar o apoio possível para resolver este problema.

Na última semana, a ministra da Agricultura afirmou no Parlamento que há uma proposta relativa ao património da Casa do Douro, a celebrar entre os credores públicos e um contrato de usufruto dos armazéns, mas não adiantou nada sobre o edifício que é sede da instituição.

 

+ notícias: Norte

Revolução nos transportes da AMP. UNIR substitui cerca de 30 operadores privados da região

A nova rede de autocarros da Área Metropolitana do Porto, denominada UNIR, entra em serviço esta sexta-feira, depois de um concurso público lançado em 2020, determinando uma ‘revolução’ no transporte rodoviário de passageiros na região.

A magia do Natal a bordo do Comboio Histórico do Vouga

A chegada do Natal é anunciada pelo regresso do Comboio Histórico à linha do Vouga.

83 milhões de euros e seis anos de obras depois, Linha do Minho está mais rápida 11 minutos

83,2 milhões de euros da Infraestruturas de Portugal (IP) depois, alocados às obras da Linha do Minho entre janeiro de 20217 e maio deste ano, deram em resultado uma melhoria da ligação Porto-Valença em 11 minutos. As contas foram feitas pelo jornal especializado Dinheiro Vivo, que descreve frustração e falha nas expectativas a toda a linha.