Protestos em Lisboa pela habitação terminam em confrontos com a polícia

Protestos em Lisboa pela habitação terminam em confrontos com a polícia
| País
Porto Canal

Em Lisboa, os manifestantes envolveram-se em confrontos com a Polícia.

 

Duas mulheres foram detidas pela PSP dentro do centro comercial do Martim Moniz, que terão grafitado o interior de um estabelecimento. Um grupo de manifestantes aproximou-se da zona do mercado oriental, exigindo a libertação das jovens.

Foram ainda atiradas tochas e garrafas de vidro contra as forças de segurança, tendo também sido abalroado e grafitadas duas motas da PSP estacionadas em frente ao local. Os polícias foram depois obrigados a dispersar a multidão, o que levou a confrontos e também ao uso de gás lacrimogéneo e de bastões.

As duas jovens detidas pela PSP já foram, entretanto, libertadas.

+ notícias: País

Quatro distritos sob aviso laranja devido ao calor

Quatro distritos de Portugal continental vão estar sob aviso laranja até às 18h00 desta quinta-feira devido à previsão de tempo quente, anunciou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Burlas representam mais de 17% de toda a criminalidade denunciada à PSP

As situações de burla são as grandes responsáveis pelo aumento da criminalidade geral denunciada à PSP em 2023, representando 17,44%, e são responsáveis por prejuízos patrimoniais superiores a 110 milhões de euros, o triplo do verificado em 2022.

Não haverá professores suficientes no início do ano letivo, alerta Federação Nacional da Educação

A Federação Nacional da Educação (FNE) defendeu, esta quinta-feira, que será impossível resolver a falta de professores nas escolas “a tempo do início do ano letivo”, independentemente do plano que o Governo venha a adotar.