PSP realizará operação para aumento da segurança rodoviária durante a Páscoa

PSP realizará operação para aumento da segurança rodoviária durante a Páscoa
| País
Porto Canal

Por ocasião pascal, a Polícia de Segurança Pública (PSP) irá realizar a operação ‘Polícia Sempre Presente: Páscoa em Segurança 2023’ entre os dias 1 e 9 de abril. A operação foi anunciara pela força de segurança esta sexta-feira.

A operação vai decorrer a área de responsabilidade da PSP em Portugal Continental e na totalidade das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores. Os polícias da força de segurança irão ter uma grande presença em locais públicos e abertos ao público, de acordo com o comunicado a que o Porto Canal teve acesso.

O objetivo desta operação passa por diminuir os índices de criminalidade e sinistralidade rodoviária, “contribuindo para o aumento do sentimento de segurança dos cidadãos”.

Na componente da segurança rodoviária, a PSP irá realizar “operações de visibilidade preventiva, a par de fiscalização com especial incidência nas principais causas de sinistralidade: excesso de velocidade, condução sob o efeito ao álcool e/ou substâncias psicotrópicas, uso do telemóvel durante a condução e não utilização (ou utilização incorreta) do cinto de segurança e sistemas de retenção”.

Nos dias que antecedem a Páscoa, a PSP irá realizar fiscalizações tanto nos grandes centros urbanos, locais associados a maior movimento de pessoas e viaturas, como nos acessos aos principais eixos rodoviários interurbanos.

No comunicado, a PSP sublinha ainda que, de acordo com os resultados provisórios, até 15 de março desde ano, foram registados 4564 acidentes rodoviários, dos quais resultaram 34 vítimas mortais, 246 feridos graves e 5327 feridos ligeiros. Devido a estes dados, a PSP reforça a importância da valorização da vertente da segurança rodoviária e de “reforçar o apelo aos cidadãos para que cumpram as regras do Código da Estrada”.

 

+ notícias: País

PR não quer esperar mais sobre novo aeroporto. "Venha uma decisão" até ao final do ano

O Presidente da República disse este sábado, em Santarém, esperar que, depois de uma “longa espera” por um aeroporto “previsto há mais de 50 anos”, desta vez haja uma decisão, sendo que “haverá sempre quem concorde e quem discorde”.

Protesto contra o aumento do custo de vida junta manifestantes no Porto, Guimarães e Lisboa

O protesto nacional contra o aumento do custo de vida junta centenas de manifestantes por todo o país. Porto, Guimarães e Lisboa são apenas algumas das cidades que se juntaram ao movimento “os mesmos de sempre a pagar”.

António Costa: Políticos têm de respeitar o que os portugueses decidiram nas eleições

O secretário-geral do PS afirmou este sábado que os portugueses resolveram uma "grave e efetiva" crise política há um ano, referindo-se à maioria absoluta alcançada nas legislativas de 2022, cabendo agora aos políticos respeitarem essa decisão.