Open da Austrália. Manifestantes pró-Rússia 'invadem' jogo de Djokovic

Open da Austrália. Manifestantes pró-Rússia 'invadem' jogo de Djokovic
| Desporto
Porto Canal

Novak Djokovic carimbou, esta quarta-feira, a passagem às meias-finais do Open da Austrália, ao bater o russo Andrey Rublev em três sets. O atleta sérvio, atual número cinco do ranking ATP, ultrapassou com mais facilidade do que a esperada o sexto da hierarquia, com parciais de 6-1, 6-2 e 6-4. Contudo, o destaque da partida ocorreu nas bancadas, ao serem 'invadidas' por um grupo de indivíduos que exibiram bandeiras russas com a cara de Putin, assim como cartazes com a letra 'Z'.

"Quatro pessoas que deixavam o estádio exibiram bandeiras e símbolos inadequados e ameaçaram os seguranças", disse um porta-voz da Federação Australiana de Ténis ao jornal local The Age, revelando que os adeptos em causa acabaram detidos pela polícia australiana. 

"A polícia do estado de Vitória interveio e continua a fazer interrogatórios", acrescentou o comunicado divulgado pelo jornal australiano Herald Sun.

De destacar que os tenistas russos foram autorizados a participar no Open da Austrália com a condição de serem representados por uma bandeira neutra, depois de lhes ter sido vetada a participação no torneio de Wimbledon no ano passado. 

+ notícias: Desporto

FC Porto: Na rotunda, saia nas "meias". Crónica de jogo

O FC Porto foi ao Fontelo eliminar o Académico de Viseu da Taça de Portugal e seguir para as meias-finais da prova rainha. O próximo adversário na competição é o Famalicão, que eliminou a B SAD (4-1). Os duelos com os minhotos estão marcados para a última semana de abril e para a primeira de maio.

Sérgio Conceição: "É mais um objetivo alcançado"

Sérgio Conceição recordou que o FC Porto está nas “meias” da Taça de Portugal “pelo sexto ano consecutivo”

FC Porto (Sub-19): Dragões seguem para os oitavos de final da Youth League

A equipa de Sub-19 do FC Porto está nos oitavos de final da UEFA Youth League depois de bater nesta quarta-feira o Panathinaikos (1-0), no mítico Apostolos Nikolaidis, em Atenas (Grécia), no Play-off da prova. Um golo de Jorge Meireles, já no segundo tempo (71m), deu o triunfo aos Dragões.