PJ realizou buscas na Câmara de Mesão Frio

PJ realizou buscas na Câmara de Mesão Frio
Câmara Municipal de Mesão Frio
| Norte
Porto Canal / Agências

A Polícia Judiciária (PJ) realizou buscas na Câmara de Mesão Frio, distrito de Vila Real, para recolha de documentos no âmbito de uma investigação que teve origem numa denúncia, disse esta quarta-feira fonte policial.

A PJ de Vila Real procedeu na terça-feira a buscas na Câmara de Mesão Frio com o objetivo de recolha de documentação no âmbito de uma investigação que está em curso.

Segundo a fonte, a investigação teve origem numa denúncia e visa documentação relacionada com contratos de aquisição e recrutamento de pessoal.

Até ao momento não foi possível obter mais informação sobre a investigação e, apesar da insistência, a Câmara de Mesão Frio ainda não reagiu às buscas da PJ.

A autarquia socialista é presidida desde 2021 por Paulo Silva, que já integrava o anterior executivo liderado, entre 2009 e 2021, por Alberto Pereira.

+ notícias: Norte

Escolhem o Porto para trabalhar. Há quatro mil nómadas digitais na Invicta

Um computador portátil e bom acesso à internet bastam para que os nómadas digitais se instalem em qualquer parte do mundo. Contudo, a boa reputação da cidade a nível internacional, o bom tempo e o custo de vida acessível têm servido de chamariz para várias pessoas que trabalham remotamente.

“Ligação Braga-Guimarães caminha a passos largos para ser o aeroporto de Lisboa do Norte”, afirma Ricardo Rio

O Presidente da Câmara de Braga foi, esta quinta-feira, convidado da Manhã Informativa do Porto Canal.

Siaco declarada insolvente. Trabalhadores passam a ter direito a fundo de desemprego

A fábrica Siaco, produtora de calçado, em São João da Madeira, que fechou portas esta segunda-feira e deixou mais de uma centena de trabalhadores sem emprego, já foi declarada insolvente pelo Tribunal de Oliveira de Azeméis.