Líder do Chega responde a ministra: “Que diabo! Acordem! Vamos fiscalizar o PS e o Governo”

Líder do Chega responde a ministra: “Que diabo! Acordem! Vamos fiscalizar o PS e o Governo”
| Política
Porto Canal

Debate foi “solicitado” pelo Chega sobre os "sucessivos casos de alegadas incompatibilidades e conflitos de interesses que envolvem vários ministros". Debate decorre esta manhã.

André Ventura respondeu a Ana Catarina Mendes dizendo que “Foi enternecedor ouvi-la falar da democracia e como todos vivemos melhor e como devíamos era defender a democracia e lá fora todos juntos cantarmos o aleluia, mas infelizmente não é assim”.

Depois da provocação, o líder do Chega leu a lei que foi aprovada antes do partido ter representação parlamentar: “Os portugueses que estão em casa estão a pensar ‘mas qual é a dúvida?!'”, rematando que o PS falar sobre democracia “vale zero”.

André Ventura deixou o pedido no Parlamento: “Que diabo! Acordem! Vamos fiscalizar o PS e o Governo”.

Depois das palavras, a ministra dos assuntos parlamentares voltou a responder afirmando que “Estarei sempre aqui a defender as instituições democráticas. Os senhores ministros cumprem a lei. Tenho toda a alegria em entregar-lhes os pareceres [da PGR] para que o senhor deputado possa ler”.

Ana Catarina Mendes promete que será “uma defensora acérrima do cumprimento da lei” defendendo que é isso que gera confiança nas instituições.

+ notícias: Política

TAP. António Costa e Medina devem pedir “desculpa” aos portugueses, diz Montenegro

O presidente do PSD, Luís Montenegro, considerou esta segunda-feira que o primeiro-ministro e o ministro das Finanças devem pedir “desculpa aos portugueses" por “terem injetado mais de três mil milhões de euros” na TAP.

Exames finais no ensino secundário são para manter, garante Marcelo Rebelo de Sousa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, garantiu ao final da tarde desta segunda-feira que o Governo vai manter os exames finais no ensino secundário.

Marta Temido é a nova presidente da concelhia do PS de Lisboa

Marta Temido é a nova presidente da comissão política da concelhia de Lisboa do Partido Socialista. Segundo avançou a ‘CNN Portugal’, a ex-ministra da Saúde assume o cargo que anteriormente era assegurado por Davide Amado.