Primeiro-ministro recebe na sexta-feira líder do PSD com novo aeroporto na agenda

Primeiro-ministro recebe na sexta-feira líder do PSD com novo aeroporto na agenda
| Política
Porto Canal / Agências

O primeiro-ministro recebe na sexta-feira, em São Bento, o novo líder do PSD, o primeiro encontro entre ambos que têm na agenda a prazo um eventual acordo para a construção do novo aeroporto da região de Lisboa.

O encontro entre António Costa e Luís Montenegro terá lugar às 10:00, de acordo com fonte do Executivo.

No final de maio, Luís Montenegro foi eleito líder do PSD com mais de 72% dos votos, sucedendo no cargo a Rui Rio, e entrou formalmente em funções no início deste mês.

Em junho, numa conferência promovida pela Câmara do Comércio Luso Espanhola, em Lisboa, o primeiro-ministro afirmou que a nova solução aeroportuária para a região de Lisboa será feita em consenso com o PSD, justificando que se trata de um processo estruturante para várias legislaturas e que condicionará a ação de vários governos.

No fim desse mês, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, fez publicar um despacho com uma solução aeroportuária -- Montijo mais Alcochete -- e afirmou que prescindia do acordo do partido de Luís Montenegro.

Mas António Costa determinou que o ministro das Infraestruturas revogasse esse despacho, insistindo que a solução referente ao novo aeroporto da região de Lisboa terá de ser tomada com base num acordo com o PSD.

Na quarta-feira, em entrevista à CNN, o líder do PSD afirmou sobre a solução aeroportuária para a região de Lisboa que irá transmitir em primeira mão a posição dos sociais-democratas no encontro com o primeiro-ministro.

"Uma coisa é dialogar com o maior partido da oposição, outra é deixar de decidir. Quem tem de decidir é o Governo e o primeiro-ministro. Era muito interessante discutir a opinião do PSD, mas temos de discutir a opinião do Governo", declarou nessa entrevista.

+ notícias: Política

Manuel Pizarro renuncia cargo da empresa da qual era sócio-gerente

O ministro da Saúde, Manuel Pizarro, renunciou o cargo da empresa na área da saúde da qual era sócio-gerente. Segundo avança a 'SIC Notícias', o gabinete do atual ministro da Saúde adiantou que a "empresa em causa irá dar continuidade ao processo de dissolução".

CNE diz que propaganda política é “livre” e vê possível crime da Câmara de Lisboa

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) considera que a atividade de propaganda política é “livre” em locais públicos e que a retirada de ‘outdoors’ em Lisboa por parte da Câmara Municipal pode constituir crime.

Marcelo anuncia próxima reunião do Grupo de Arraiolos para 05 e 06 de outubro no Porto

O Presidente da República anunciou esta quinta-feira que a 18.ª reunião do Grupo de Arraiolos, que junta anualmente chefes de Estado não executivos da União Europeia, se irá realizar em 05 e 06 de outubro do próximo ano, no Porto.