Prazo de submissão de candidaturas a apoios da DGArtes vai ser prolongado - diretor-geral

| País
Porto Canal / Agências

Lisboa, 29 jun 2022 (Lusa) -- O prazo de submissão de candidaturas aos programas de apoio sustentado da Direção-Geral das Artes (DGArtes), que terminava hoje, vai ser prolongado, em resposta a um problema técnico na plataforma de acesso, disse à Lusa o diretor-geral, Américo Rodrigues.

"Obviamente lamentamos este problema técnico, estamos a monitorizá-lo e a resolvê-lo", afirmou Américo Rodrigues a propósito das dificuldades que as estruturas artísticas tiveram desde terça-feira no acesso à plataforma de candidatura ao programa de apoio sustentado da DGArtes.

Segundo o diretor-geral das Artes, a Plataforma de Gestão de Apoios às Artes teve "fluxos acentuados de acesso" e "deixou de estar operacional já duas vezes", na terça-feira e hoje, pelo que quando o problema estiver resolvido será anunciado um novo prazo que "não será inferior a 48 horas".

"Será prolongado o prazo que terminava hoje ao fim da tarde. Essa prorrogação não será inferior a 48 horas, o que quer dizer que damos um sinal aos artistas de alguma tranquilidade", disse Américo Rodrigues.

O diretor-geral explicou que foi preciso "aumentar a capacidade de memória da plataforma para que tenha capacidade de receber todas as candidaturas".

SS // TDI

Lusa/fim

+ notícias: País

Futura sede da TAP pode vir a custar 3,8 milhões/ano. Pilotos criticam mudança

O sindicato dos Pilotos da Aviação Civil acusou, esta quinta-feira, a gestão da TAP de “desperdiçar” as receitas do verão com “milhões de erros” cometidos ao longo do ano. Um deles é, segundo a estrutura sindical, o “gasto desnecessário com a mudança da sede da empresa do Aeroporto de Lisboa para o Parque das Nações. Um dos edifícios na mira da companhia aérea nacional tem uma renda anual de quase 4 milhões de euros.

Vida e obra de Luís Ferreira Alves: o pioneiro na fotografia de arquitetura em Portugal

Luís Ferreira Alves, pioneiro na fotografia de arquitetura em Portugal, impulsionou a evolução desta arte desde a década de 80, acarinhado e reconhecido no meio, morreu em Julho aos 84 anos.

Sindicato dos Pilotos da Aviação acusa a TAP de "milhões de erros" 

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil acusa a TAP de desperdiçar as receitas do verão com milhões de erros ao longo ano. Entre os principais problemas apontados pela estrutura está a contratação externa de serviços a várias companhias áreas, num valor superior a 200 milhões de euros.