Easyjet espera que transferência de 'slots' da TAP esteja concluída até setembro

Easyjet espera que transferência de 'slots' da TAP esteja concluída até setembro
| Economia
Porto Canal com Lusa

O diretor-geral da easyJet Portugal, José Lopes, disse hoje esperar que o processo de transferência das 18 faixas horárias ('slots') da TAP esteja concluído até ao início de setembro, para começar a vender os lugares "o mais depressa possível".

"Espero que esteja tudo finalizado o mais tarde até final de agosto, setembro e aí apresentaremos todos os detalhes", afirmou o responsável da companhia aérea, que, na semana passada, foi escolhida pela Comissão Europeia para ficar com as 18 faixas horárias diárias que a TAP teve de abdicar, no aeroporto de Lisboa, como parte dos 'remédios' impostos no âmbito do plano de reestruturação.

José Lopes disse que o objetivo é pôr os 'slots' à venda o mais rápido possível, para que comecem a ser utilizados a partir de 30 de outubro.

No entanto, o processo está ainda em fase de finalização dos detalhes, que poderão exigir alguns ajustes à proposta, mas, segundo o diretor-geral, haverá um "mix de rotas novas para a easyJet" e de aumento de capacidade na Portela.

Segundo o responsável, a proposta da easyJet para ficar com os 'slots' da TAP foi considerada a melhor pela Comissão Europeia, em detrimento de outras, incluindo a da Ryanair, por ser a "mais forte", por permitir fazer 18 voos diariamente, todos os dias.

"Ganhar 'slots' de um aeroporto congestionado e que não tem possibilidade de crescimento é uma oportunidade que não será repetível até que haja uma nova infraestrutura aqui em Lisboa. Era de extrema importância para nós ganhar este concurso"", vincou José Lopes.

A easyJet espera, com este aumento de capacidade, que corresponde a um adicional de três aeronaves, atingir o objetivo de se tornar a segunda companhia aérea no aeroporto Humberto Delgado.

José Lopes adiantou que, este verão, a easyJet está a operar em Portugal com cerca de 20% mais capacidade do que tinha no verão de 2019, antes da pandemia, detalhando que, em Lisboa, a companhia aérea britânica já opera 12% acima da mesma época de 2019.

+ notícias: Economia

Tribunal de Contas atento ao acolhimento das recomendações

O presidente do Tribunal de Contas, José Tavares, afirmou que o Tribunal “continuará ativo” em relação ao Novo Banco nomeadamente ao nível da aplicação das recomendações formuladas nas auditorias.

Inspeção-Geral de Finanças já deu parecer positivo a pagamento da 2.ª tranche

A Inspeção-Geral das Finanças deu parecer positivo ao pagamento da segunda tranche do Plano de Recuperação e Resiliência, no valor de cerca de dois mil milhões de euros, seguindo agora o pedido de Portugal para Bruxelas.

Euribor volta a subir para novos máximos a três, seis e 12 meses

As taxas Euribor voltaram esta terça-feira a subir a três, a seis e a 12 meses para novos máximos em mais de 10 anos.