Sete feridos em colisão entre dois veículos na EN203 junto a Viana do Castelo

Sete feridos em colisão entre dois veículos na EN203 junto a Viana do Castelo
| Norte
Porto Canal com Lusa

Sete pessoas ficaram hoje feridas na sequência de uma colisão entre dois veículos ligeiros na Estrada Nacional (EN) 203, perto de Viana do Castelo, que às 06:40 estava cortada, segundo a proteção civil.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo adiantou que o acidente, cujo alerta foi dado às 05:50, ocorreu em Geraz do Lima na EN203, entre Viana do Castelo e Ponte de Lima.

A colisão entre um jipe e um veículo com nove lugares causou sete feridos ligeiros, desconhecendo-se ainda a gravidade.

Os feridos estão a ser transportados para o Hospital de Viana do Castelo, segundo fonte dos bombeiros.

Às 07:00 estavam no local 32 operacionais, entre Sapadores de Bombeiros e Voluntários de Viana do Castelo, Bombeiros de Ponte de Lima, Arcos de Valdevez e Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), apoiados por 13 veículos.

+ notícias: Norte

Museu Mineiro de São Pedro da Cova. Uma reportagem Porto Canal

Está para breve a reabertura do Museu Mineiro de São Pedro da Cova. O espaço, criado nos anos 80, está a ser alvo de obras de requalificação para permitir ao visitante experienciar de uma forma inovadora como se fazia a extração de carvão em Gondomar.

Imagens exclusivas de comboio da CP sobrelotado

O Porto Canal teve acesso a imagens de um comboio da CP que fazia a ligação Porto-Pocinho e seguia sobrelotado.

Diretor do Serviço de Cirurgia do Trás-os-Montes afirma que "novo exame do Cancro da Mama em Vila Real evita as deslocações ao Porto"

O Diretor do Serviço de Cirurgia geral do Hospital de Trás-os-Montes e Alto Douro, João Pinto de Sousa, afirmou, na manhã desta segunda-feira, em declarações ao Porto Canal, que "o Hospital de Vila Real desde há um mês que passa a ter um novo exame que ajuda a detetar os gânglios" e, acrescenta ainda que "esse novo exame do Cancro da Mama em Vila Real evita as deslocações ao Porto".