Covid-19: "Casa aberta" disponível para vacinação de pessoas acima dos 45 anos

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 26 jan 2022 (Lusa) - A modalidade de vacinação "casa aberta" está desde hoje disponível para pessoas com 45 ou mais anos que tenham o esquema vacinal primário contra a covid-19 há mais de cinco meses, anunciaram os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde.

As pessoas com 30 ou mais anos vacinadas com a vacina da Janssen há 90 ou mais dias também podem deslocar-se ao centro de vacinação sem necessidade de qualquer tipo de marcação ou contacto prévio, adiantam os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) em comunicado.

"Adicionalmente, está também disponível a modalidade 'casa aberta' mediante senha digital para os grupos prioritários de vacinação, nomeadamente magistrados e elementos do sistema judicial, estudantes dos cursos de saúde (mediante declaração do estabelecimento de ensino superior) e cidadãos das mesas de voto do processo eleitoral e respetivos elementos auxiliares", acrescentam.

Nos grupos prioritários de vacinação estão também incluídos os profissionais da Polícia de Segurança Pública (PSP), Guarda Nacional Republicana (GNR), Polícia Judiciária (PJ) e Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), comunidade universitária (estrutura docente e apoio) e pessoas com comorbilidades, elegíveis para esta fase da vacinação, portadoras de declaração médica.

Para usufruírem do sistema de senha digital da modalidade "casa aberta" os utentes devem solicitar uma senha no dia em que pretenderem ser vacinados.

No portal Covid-19, deverá ser preenchido um formulário, sendo posteriormente enviada para o telemóvel uma senha digital com o respetivo número e hora prevista.

No centro de vacinação, os utentes devem apresentar um documento comprovativo da profissão que exercem, explicam os SPMS.

Quase 4,5 milhões de pessoas já receberam a dose de reforço da vacina contra a covid-19, cerca de 70 mil das quais na segunda-feira, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

O último relatório diário da DGS indica que 4.483.244 pessoas já foram vacinadas com o reforço da imunização contra o coronavírus SARS-CoV-2, entre as quais 607.715 idosos com 80 ou mais anos, que representam 92% deste grupo etário.

 A covid-19 provocou 5.602.767 mortes em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 19.661 pessoas e foram contabilizados 2.312.240 casos de infeção, segundo a última atualização da Direção-Geral da Saúde.

HN (PC) // HB

Lusa/Fim

+ notícias: País

Mais de 70% dos emigrantes querem regressar a Portugal

Mais de 70% dos portugueses residentes no estrangeiro querem regressar a Portugal, a médio ou longo prazo, e 73% já investiram ou consideram como provável investir no seu país, segundo um inquérito da Sedes divulgado hoje.

Temperaturas sobem a partir de 4.ª e podem atingir 40 graus em algumas regiões

As temperaturas vão subir a partir de quarta-feira em Portugal continental, podendo atingir os 40 graus Celsius na quinta-feira em algumas regiões, levando a um aumento significativo do perigo de incêndio rural, Segundo o IPMA.

TAP: "Reconhecemos que não estamos a oferecer serviço de excelência"

Christine Ourmières-Widener, presidente executiva da TAP, reconheceu, esta segunda-feira, que a companhia aérea não "está a oferecer o serviço de excelência" que planeou, face à crise que o transporte aéreo atravessa e que "este fim de semana não foi fácil para a TAP devido a constrangimentos vários".