Pedro da Clara termina carreira de 17 anos como atleta do FC Porto

| FC Porto
Porto Canal com FC Porto

Terminou, esta quarta-feira uma carreira recheada de êxitos no desporto adaptado do FC Porto e de Portugal.

Numa cerimónia que teve lugar no Museu do clube que desde cedo o acolheu, Pedro da Clara despediu-se do boccia e deu por encerrada uma longa ligação à modalidade ao emblema portista.

Lado a lado com Jorge Nuno Pinto da Costa, que o definiu como um “atleta exemplar” e fez questão de recordar a atribuição do Dragão de Ouro em 2014, o atleta do desporto adaptado azul e branco revelou estar a viver “um misto de emoções”. Por um lado, um sentimento de “tristeza” ao dar por concluído um percurso iniciado em 2005. Por outro, uma enorme “felicidade” fruto de ter representado “da melhor forma e com a maior honra possível” as cores portistas.

Já depois de Pedro da Clara ter entregue a Pinto da Costa o conjunto de bolas com que garantiu um quarto lugar - e o respetivo diploma - nos Jogos de Tóquio, o Presidente do Comité Paralímpico de Portugal salientou a “importância do FC Porto no desporto para pessoas com deficiência”, já que são “poucos clubes ditos grandes” aqueles que se mostram “dispostos a apostar no desporto adaptado”. Também nisso “o FC Porto tem um papel diferenciador”, concluiu José Manuel Lourenço.

+ notícias: FC Porto

FC Porto bateu o SL Benfica (65-47) e reduziu a desvantagem na final da Liga de Basquetebol

Ciente da responsabilidade que é envergar o brasão abençoado no Dragão Arena, a equipa de basquetebol do FC Porto recebeu e venceu o Benfica por 65-47 e recuperou parte do atraso trazido da capital fruto das duas derrotas no Pavilhão da Luz. De volta à Invicta sem margem de erro, e menos de 72 horas depois do segundo jogo em Lisboa, os portistas apresentaram-se revigorados e tiveram no duplo-duplo de Miguel Queiroz (16 pontos e 10 ressaltos) um dos catalisadores da primeira vitória na final do campeonato.

Treinador da natação do FC Porto prolonga contrato por mais dois anos

José Manuel Borges continuará como timoneiro da natação azul e branca até 2024. Chegado ao comando técnico do FC Porto em 2018 - depois de orientar atletas nas Olimpíadas de Atlanta (1996), Atenas (2004) e Londres (2012) -, o antigo nadador já havia representado o clube entre 1972 e 1980, período em que se sagrou campeão e recordista nacional. Acabado de prolongar vínculo por mais duas temporadas com o emblema de que é adepto e sócio, José Manuel Borges revelou o “orgulho” que sente por poder orientar “o clube em Portugal que disponibiliza melhores condições de preparação aos atletas”. “É um privilégio poder continuar este trabalho com o objetivo de continuar a evoluir e podermos ter mais atletas em competições de outro nível, nomeadamente nos Jogos Olímpicos”, declarou o treinador da natação portista.

Jorge Nuno Pinto da Costa: "As vitórias do FC Porto, de há uns anos para cá, têm sempre um bocadinho do IBB"

O Internationales Bakhaus Bodensee AG é uma entidade bancária alemã que foi essencial para o FC Porto numa altura difícil em que os bancos nacionais fecharam as portas ao clube. Aquando da entrega dos Dragões de Ouro 2021, em novembro do ano passado, o galardão para Parceiro do Ano foi entregue em mãos a Cristiano Faria, representante do IBB AG em Portugal. Nesta quarta-feira, na Tribuna Presidencial do Estádio do Dragão, Jorge Nuno Pinto da Costa repetiu o ato na presença de Heike Kemmner, que a administradora do banco germânico considerou “uma grande honra”. O presidente mais titulado do mundo, por sua vez, sublinhou que, “quando estamos de parabéns, o IBB também está de parabéns”.