Info

Legislativas: CDU repete Alma Rivera e Duarte Alves por Lisboa, João Ferreira em 10.º

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 03 dez 2021 (Lusa) -- A lista da CDU às eleições legislativas por Lisboa, encabeçada pelo secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, volta a apostar em Alma Rivera, Duarte Alves e Mariana Silva (PEV), colocando João Ferreira em 10.º lugar, foi hoje anunciado.

A Coligação Democrática Unitária (CDU) divulgou hoje a lista pelo círculo eleitoral de Lisboa, depois de na semana passada ter anunciado que o primeiro candidato voltaria a ser o líder comunista.

O mandatário será o antigo líder parlamentar e ex-autarca em Loures, Bernardino Soares, divulgaram igualmente, em comunicado.

Nos quatro primeiros lugares eleitos há quatro anos, a ordenação da lista é a mesma, depois de Jerónimo de Sousa surge em segundo lugar Alma Rivera, em terceiro Duarte Alves e em quarto a ecologista Mariana Silva.

Em quinto lugar, a CDU candidata Cristina Cruzeiro, investigadora de pós-doutoramento, em sexto o antigo deputado Miguel Tiago, em sétimo João Geraldes, técnico superior da administração local e membro da Associação Intervenção Democrática (ID), seguindo-se depois Cristina Torres, dirigente sindical e assistente administrativa na Câmara Municipal de Loures, e José Manuel Oliveira, sindicalista e eletricista na CP.

Só em décimo lugar se encontra João Ferreira, vereador na Câmara Municipal de Lisboa, antigo eurodeputado e candidato às eleições presidenciais de 2021, membro da Comissão Política do Comité Central do PCP.

ACL // SF

Lusa/Fim

+ notícias: Política

António Costa volta a referir que "não é a votar numa terceira força política que se resolve o empate entre o PS e o PSD" 

António Costa, Secretário-geral do PS, voltou a referir na noite da passada quinta-feira durante um comício em Lisboa, que "não é a votar numa terceira força política que se resolve o empate entre o PS e o PSD", apelando novamente ao voto no PS para que se consiga resolver "este empate de forma vitoriosa".

Rui Rio: "Para mim é claro que todos os novos organismos têm de ser fora da Capital"

Rui Rio, Presidente do PSD, disse em entrevista exclusiva ao Porto Canal, na noite da passada quinta-feira, que "é claro que todos os novos organismos têm de ser fora da Capital", no entanto o Presidente Social Democrata salienta que atualmente "o problema não é dizer, é fazer".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.