António Costa garante primeira fase do reforço de vacinação até 19 de dezembro

António Costa garante primeira fase do reforço de vacinação até 19 de dezembro
| País
Porto Canal com Lusa

O primeiro-ministro assegurou hoje que a primeira fase de administração da dose de reforço da vacina contra a covid-19 para os grupos da população atualmente elegíveis vai estar concluída até 19 de dezembro.

Na conferência de imprensa realizada após a reunião do Conselho de Ministros que aprovou novas medidas para conter a pandemia de covid-19, António Costa salientou que o primeiro passo "é reforçar o esforço de vacinação" e vincou que "esse esforço prossegue desde já" com a administração da dose de reforço nos grupos já elegíveis.

"Pessoas com mais de 65 e que há mais de cinco meses tiveram a segunda dose, pessoas que por prescrição médica devem ter a vacina, pessoas que estiveram infetadas e que já estão recuperadas há mais de 150 dias e também as pessoas com mais de 50 anos e que foram vacinados há mais de cinco meses com a vacina da Janssen - todos estes estarão vacinados ate ao próximo dia 19 de dezembro", garantiu.

António Costa defendeu ainda os efeitos da vacinação no menor impacto da atual quinta vaga da covid-19 em Portugal, enaltecendo o "esforço e o elevadíssimo sentido cívico dos portugueses" e a taxa de vacinação "largamente superior à generalidade dos países europeus", que estão a ser mais afetados pelo agravamento da situação epidemiológica.

"Ser [o país] mais vacinado tem consequências benéficas para todos nós. Graças a uma maior vacinação, Portugal tem tido um menor número de internamentos do que se tem verificado nos outros países, de internamentos em unidades de cuidados intensivos e, sobretudo, tem tido menos óbitos, o que significa que a vacinação tem permitido salvar vidas", referiu.

Numa comparação com a situação do país por esta altura em 2020, o primeiro-ministro reiterou ainda a conclusão de que Portugal está "francamente melhor" e que o número diário de novos casos de covid-19 é "significativamente inferior" face ao ano passado.

+ notícias: País

Governo e sindicatos da função pública discutem esta terça-feira carreiras não revistas

O Governo reúne-se esta terça-feira com as estruturas sindicais da administração pública, em Lisboa, para debater o caderno negocial para 2023, tendo como temas a revisão de carreiras não revistas e o sistema de avaliação de desempenho.

Senhorios dispensados de recibos eletrónicos têm de declarar valor das rendas até esta terça-feira

Os senhorios que não estão obrigados a emitir recibos eletrónicos de renda têm até esta terça-feira para entregar a declaração anual com o valor que receberam em 2022, sendo que desta vez têm obrigatoriamente de a submeter pela Internet.

Campanha “Viajar sem pressa” arranca esta terça-feira

A campanha "Viajar sem pressa", inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2023, começa esta terça-feira. A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, a Guarda Nacional Republicana e a Polícia de Segurança Pública vão estar em várias zonas do país.