Jordânia interceta pela primeira vez 'drone' com drogas da Síria

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Amã, 21 out 2021 (Lusa) -- O exército da Jordânia intercetou na fronteira com a Síria um avião não tripulado carregado de droga que os contrabandistas tentavam fazer entrar no reino, utilizando pela primeira vez um 'drone', indicaram hoje as forças armadas.

"O exército jordano conseguiu controlar o 'drone' e derrubá-lo" na fronteira nordeste do país e, "após inspecionar a área, encontrou vários narcóticos", refere um comunicado divulgado pela instituição na Internet.

A nota não dá mais pormenores sobre a operação ou a droga encontrada, mas a Jordânia é ponto de destino e de passagem para o tráfico de drogas, sobretudo o Captagon, uma anfetamina que inibe a sensação de medo e de fadiga, conhecida como a "droga dos 'jihadistas'".

O exército jordano já intercetou dezenas de carregamentos de drogas à entrada na fronteira com a Síria, mas esta foi a primeira vez que detetou a utilização de 'drones' para o contrabando.

A Síria tornou-se um centro de produção de drogas devido à instabilidade no país decorrente da guerra desencadeada em 2011 e exporta para todos os seus vizinhos através das fronteiras porosas com o Iraque, Líbano, Jordânia e Turquia, segundo a agência noticiosa espanhola EFE.

PAL // FPA

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

França rejeita a construção de gasoduto que liga Península Ibérica ao resto da Europa

França está contra as intenções mostradas pela Alemanha, Espanha, Portugal e a Comissão Europeia sobre a construção de um novo gasoduto com a Península Ibérica e mantém as suas fortes reticências à ideia de reavivar o projeto MidCat pelos Pireneus catalães, que se abandonou em 2019.

Depois da vaga de calor, chuvas torrenciais inundam ruas de Paris 

Após semanas de calor, a chuva caiu com grande intensidade em Paris durante 90 minutos. De acordo com os serviços meteorológicos, em hora e meia registou-se "70% da precipitação habitual para um mês". Várias ruas, avenidas e estações de metro ficaram inundadas e a circulação rodoviária foi interrompida em vários pontos da capital gaulesa. 

Guterres aponta estabilização de preços de alimentos e pede desmilitarização de Zaporijia

O secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, identificou esta quinta-feira sinais de estabilização dos mercados globais de alimentos e pediu, após uma reunião com os presidentes ucraniano e turco, a desmilitarização da central nuclear de Zaporijia, sob ocupação russa.