Info

PS sai como "maior partido" do Porto e com "grande motivação" para os próximos 4 anos

PS sai como "maior partido" do Porto e com "grande motivação" para os próximos 4 anos
| Política
Porto Canal com Lusa

O cabeça de lista do PS à Câmara do Porto afirmou hoje que o partido sai, naquele que considerou um "combate muito exigente", como "o maior partido da cidade" e com "grande motivação para enfrentar os próximos quatro anos".

"Foi um combate muito exigente, foi um combate muito duro e no qual o PS do Porto deu o seu melhor", afirmou Tiago Barbosa Ribeiro.

Em reação aos resultados eleitorais, e numa altura em que faltavam apurar os resultados numa freguesia, o socialista afirmou que o "PS é o maior partido do Porto e que mantém o segundo lugar nas eleições".

O socialista assinalou que o independente Rui Moreira "não teve" os objetivos a que se propôs, como a maioria absoluta no executivo municipal, na assembleia municipal e o reforço na cidade.

"Perdeu muitos votos, perdeu mandatos e portanto, há um sinal claro de mudança e um sinal claro de mudança que se expressa em muitos dos votos que tivemos", referiu, acrescentando que a vitória na Junta de Freguesia de Campanhã, que teve o apoio do independente Rui Moreira, é do PS.

"Há quem queira aparecer nessa fotografia, mas é uma vitória do PS, dos militantes do PS e dos dirigentes do PS de Campanhã", salientou.

Questionado pelos jornalistas sobre o número de vereadores socialistas eleitos para o executivo, Tiago Barbosa Ribeiro disse não ter ainda informação sobre os mesmos.

"Não tenho informação. Estávamos a aguardar para podermos ter o desenho final. Não temos. Não consigo antecipar qual o desenho final do executivo", assegurou, garantindo também que, a confirmar-se que o independente Rui Moreira não tem maioria absoluta, continuará a não aceitar nenhuma aliança.

"Só tenho uma palavra. As questões de governabilidade na Câmara do Porto não se colocam", afirmou o socialista, considerando que os resultados das eleições de domingo não são "um ponto de chegada", mas "um ponto de partida" para os próximos quatro anos.

Em 2017, o Partido Socialista obteve 28,55% dos votos, elegendo quatro vereadores na autarquia.

A Câmara do Porto é liderada por Rui Moreira, cujo movimento elegeu sete mandatos nas autárquicas de 2017, aos quais se somam quatro eleitos do PS, um do PSD e um da CDU.

Concorreram à presidência da Câmara do Porto Rui Moreira (movimento independente "Rui Moreira: Aqui há Porto" - apoiado por IL, CDS, Nós Cidadãos, MAIS -, Tiago Barbosa Ribeiro (PS), Vladimiro Feliz (PSD), Ilda Figueiredo (CDU), Sérgio Aires (BE), Bebiana Cunha (PAN), António Fonseca (Chega), Diogo Araújo Dantas (PPM), André Eira (Volt Portugal), Bruno Rebelo (Ergue-te), Diamantino Raposinho (Livre).

+ notícias: Política

Rui Rio anuncia voto contra do PSD no Orçamento do Estado para 2022

O presidente do PSD, Rui Rio, anunciou hoje que vai propor à direção nacional o voto contra do partido no Orçamento do Estado para 2022.

Silva Tiago acusado de peculato 

O Presidente Reeleito à Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago, é um dos seis arguidos que o Ministério Público acusa de "apropriação indevida de dinheiros" dos serviços do município da Maia.

PS Porto garante ter sido abordado por Rui Moreira primeiro que o PSD

O Partido Socialista garantiu ter sido abordado por Rui Moreira primeiro que o PSD relativamente ao Acordo de Governação no Porto. Em declarações ao Porto Canal, Manuel Pizarro, Presidente da Federação Distrital do PS Porto, disse que "o Doutor Rui Moreira fez o que era expectável ao convidar o PS para fazer um acordo".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.