Info

Governo tem dado provas de coragem e empenho na estabilidade - Poiares Maduro

| Política
Fonte: Agência Lusa

Lisboa, 05 jun (Lusa) - O ministro adjunto, Miguel Poiares Maduro, defendeu hoje que o Governo PSD/CDS-PP tem dado provas de coragem e empenho na estabilidade, depois de questionado se o executivo poderá vir a alegar falta de condições para governar.

O ministro adjunto e do Desenvolvimento Regional foi questionado sobre a hipótese de o executivo vir a alegar falta de condições para governar na sequência de eventuais novos chumbos por parte do Tribunal Constitucional, e respondeu: "Eu acho que não têm faltado provas da coragem e empenho deste Governo em manter e assegurar a estabilidade governativa no país".

Instada a responder à mesma questão, na conferência de imprensa sobre as conclusões do Conselho de Ministros, a ministra de Estado e das Finanças, Maria Luís Albuquerque, declarou: "Eu não tenho nada a acrescentar".

Por outro lado, interrogado sobre o entendimento da oposição de que o Governo está a afrontar o Tribunal Constitucional pondo em causa o regular funcionamento das instituições e sobre os pedidos de intervenção do Presidente da República, Miguel Poiares Maduro disse ter "muita dificuldade em compreender essa posição".

O ministro adjunto alegou que o Governo se limitou a fazer "um pedido de esclarecimento de ambiguidades" do acórdão do Tribunal Constitucional de 30 de maio, como anteriores executivos do PS já tinham feito, e contestou que haja "dois pesos e duas medidas consoante a cor política dos governos em causa".

"Gostaria de lembrar que o Presidente da República Mário Soares suscitou a nulidade de um acórdão do Tribunal Constitucional por razões semelhantes. Gostaria de recordar que um Governo socialista liderado pelo engenheiro António Guterres suscitou também a aclaração de um acórdão do Tribunal Constitucional", referiu.

"Nunca ninguém fez sugestões de afronta constitucional ou de crise constitucional no país a esse respeito. Nós não podemos viver num Estado, numa democracia, num ambiente político em que há dois pesos e duas medidas consoante a cor política dos governos em causa, isso é que me parece muito importante", acrescentou.

IEL // SMA

Lusa/Fim

+ notícias: Política

Ministério Público pede pena efetiva de prisão próxima dos três anos para Armando Vara

O Ministério Público (MP) pediu hoje a condenação do ex-deputado Armando Vara a uma pena efetiva próxima dos três anos de prisão por um crime de branqueamento de capitais, do qual foi pronunciado em processo separado da Operação Marquês.

Ministro dos Negócios Estrangeiros assegura que Portugal cumpriu as regras na entrada de britânicos

O ministro dos Negócios Estrangeiros assegurou hoje que Portugal cumpriu as regras de saúde pública relativamente à entrada de turistas britânicos, depois das críticas de Angela Merkel à descoordenação europeia quanto a viagens na União Europeia.

Gondomar contesta divisão da região por lotes para o concurso de transportes

                                    

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS