Info

Covid-19: Laboratório francês Sanofi pode ter vacina até ao final do ano

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Paris, 17 mai 2021 (Lusa) - O laboratório francês Sanofi anunciou hoje que a sua vacina está a ter bons resultados nos ensaios clínicos e o seu presidente disse mesmo que este novo medicamento pode começar a ser produzido até ao final do ano.

"A vacina estará disponível, espero, no fim do ano. Assim que os resultados da terceira fase de ensaios forem concluídos e se forem bons, vamos registar a vacina juntos das autoridades norte-americanas e europeias e estará disponível no último trimestre do ano", disse hoje Olivier Bogillot em declarações ao canal de televisão BFMTV.

O laboratório Sanofi tem como maior acionista o gigante francês L'Oreal, com o fundo americano BlackRock na segunda posição.

A notícia de uma nova possível vacina é conhecida na altura em que a tendência dos números em França continua a mostrar uma forte diminuição no número de pessoas hospitalizadas.

Desde domingo há menos 214 pessoas nos hospitais, e menos 69 casos graves. Assim, há 22.749 pacientes com o vírus internados e, dessas pessoas, 4.186 estão ainda internadas em unidades de cuidados intensivos.

Nas últimas 24 horas morreram 196 pessoas em França devido a esta doença e houve 3.350 novos casos detetados. Desde o início da pandemia morreram 107.812 pessoas em França.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.381.042 mortos no mundo, resultantes de mais de 162,9 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

CYF // EL

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Pandemia já matou pelo menos 4,09 milhões de pessoas no mundo

A pandemia de covid-19 matou, até hoje, pelo menos 4.093.263 pessoas no mundo desde o final de dezembro de 2019, segundo um levantamento realizado pela agência de notícias francesa AFP com base em fontes oficiais.

Quatro portugueses detidos em Espanha por suposta violação de duas mulheres

Redação, 24 jul 2021 (Lusa) -- A polícia espanhola anunciou ter detido hoje quatro cidadãos portugueses por suposta violação múltipla e abusos sexuais a duas mulheres de 22 e 23 anos, numa pensão em Gijón, no norte do país.

Polícia moçambicana detém militares em ajuntamento a beberem álcool e armados

Maputo, 24 jul 2021 (Lusa) -- A polícia moçambicana deteve na sexta-feira militares que bebiam álcool armados e fardados na cidade de Pemba, norte do país, num aglomerado, à noite, violando as medidas de prevenção de covid-19, anunciaram hoje as autoridades.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

N'Agenda

O efeito do observador - Centro de...